Oficina de Brincadeiras Tradicionais inicia atividades de férias na Biblioteca Isaias Paim

Foto Divulgação
Foto Divulgação

A Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaias Paim iniciou hoje a semana de atividades gratuitas de férias para a criançada com a Oficina de “Brincadeiras Tradicionais e Jogos Lúdicos e Educativos”.

O objetivo é que as crianças ampliem seus conhecimentos sobre si, sobre o mundo e sobre tudo o que está ao seu redor, manipulando e explorando objetivos, comunicando-se com outras crianças e adultos, desenvolvendo suas múltiplas linguagens, organizando pensamentos, descobrindo regras, tomando decisões compreendendo limites e desenvolvendo a socialização e a integração com o grupo.

Ministrada pela estagiária da biblioteca e estudante de Educação Física da Unigran, Ellen Fernanda Silveira da Silva, a oficina busca resgatar a brincadeira como exercício físico. “Vamos brincar de morto-vivo, forca, ou seja, brincadeiras sem o uso da tecnologia. O meu foco é a parte de estimulação do social, psicológico, integração e comunicação verbal. A brincadeira é um exercício físico completo, as crianças deveriam praticar pelo menos mais de 30 minutos por dia. As tecnologias quebraram um pouco isso e muitas dessas brincadeiras vão ficando de lado”, explica.

Ellen

A arte-educadora e funcionária da Gerência de Patrimônio Histórico e Cultural da Fundação de Cultura, Vanessa Basso, trouxe seu filho Miguel para participar da oficina. “Eu acredito que brincar agrega muitos valores para a criança, que fica naquela rotina de escola. A brincadeira proporciona socialização, ocupar espaços diferentes, e esta oficina proporciona à criança conhecer outras atividades que não são da rotina dela. É a primeira vez que o Miguel participa, a proposta está super legal, resgatar o mundo da magia infantil”.

Vanessa

Matheus Onça, filho do jornalista e funcionário da FCMS, Alexander Onça, gosta de brincar de esconde-esconde e pega-pega. “Mas também fico bastante no computador, nas férias. Aqui na oficina a gente pode fazer o que a gente gosta. A gente desenhou e brincamos com a bola”.

?

Lucas Benetti, filho da funcionária da Gerência de Desenvolvimento de Atividades Artesanais da FCMS, Rejane Benetti, foi o vencedor da brincadeira da “dança da cadeira” e ganhou um prêmio, um bloquinho decorado de anotações. “Eu gosto de brincar de pega-pega zumbi, que quando a gente pega um, ele vira pegador junto com você. Acho que vou dar meu bloquinho para a minha mãe”.

Lucas

Rejane afirma que com sua carga horária de trabalho fica difícil atender seu filho nas férias. “Esse projeto da Fundação é muito rico, agrega a necessidade do pai que trabalha. Jogando a criança socializa, aprende e pode produzir através da imaginação, ela aprende brincando”.

Rejane

A coordenadora da Biblioteca Isaias Paim, Eleusina Lima, diz que essa programação de férias na biblioteca acompanha o calendário de férias das escolas, “para as crianças não ficarem ociosas em casa. [Com a oficina de hoje] estamos resgatando as brincadeiras antigas para esquecer um pouco do computador. As crianças hoje estão muito tecnológicas”.

Eleusina

As oficinas na biblioteca são gratuitas, realizadas sempre no período da manhã, a partir das 8 horas. Na terça-feira será a Oficina de Bexigas, com Amanda Beatriz Siqueira Ribeiro; na quarta e quinta-feira haverá a Oficina de Dedoche, com Kelly Rodrigues Gonçalves e Roseli Souza Nogueira, e na sexta-feira, a Contação de História, com Ciro Ferreira.

Comentários

comentários