Número de famintos no mundo caiu para 795 milhões

A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), divulgou hoje (27) o relatório “Estado da Insegurança Alimentar 2015” mostrando que o número de pessoas com fome no mundo caiu de 1 bilhão em 1990, para 795 milhões.

O documento aponta que nos países em desenvolvimento a prevalência da desnutrição sofreu uma redução de 23,3% há 25 anos para 12,9% agora.

O diretor-geral da FAO, José Graziano da Silva, afirmou que a lentidão do progresso da erradicação da fome, se deve a crise financeira que atingiu os países em desenvolvimento. Outros motivos, seriam as condições climáticas extremas, desastres naturais, instabilidade política, guerra civil e o aumento da população global.

Graziano explica que existe alimento mais que suficiente, o problema é a distribuição para os mais pobres.

No brasil, a FAO diz que atualmente menos de 5% da população brasileira está desnutrida, em 1990 eram 14,8%. Em números absolutos, houve uma redução de mais de 22 milhões para menos de 10 milhões agora. Um dos melhores resultados entre os países desenvolvidos.

Com informações da Rádio ONU

Comentários