Novo pacote de privatizações prevê investimento de R$ 198,4 bilhões; veja lista

Com previsão de investimentos de R$ 198,4 bilhões nos próximos anos, o governo federal anunciou nesta terça-feira (9) a nova fase do Programa de Investimento em Logística (PIL), que vai privatizar aeroportos, rodovias, ferrovias e portos. Veja abaixo o detalhamento das concessões e os investimentos previstos.

rodovias (Foto: Reprodução/Ministério do Planejamento)

RODOVIAS (concessões em 2015)

Rodovia em SC/PR
BR-476/153/282/480/PR/SC
Extensão total: 460 km
Investimento estimado: R$ 4,5 bilhões
Objetivo: escoar produção de grãos, aves e suínos pelos portos do Arco Sul

Rodovia em GO/MG
BR-364/GO/MG
Extensão total: 439 km
Investimento estimado: R$ 3,1 bilhões
Objetivo: conectar a região produtora de grãos do sul de Goiás ao Triângulo Mineiro

Rodovia em MT/GO
BR-364/060/MT/GO
Extensão total: 704 km
Investimento estimado: R$ 4,1 bilhões
Objetivo: escoar produção do Centro-Oeste para portos dos Arcos Norte e Sul

Rodovia em MT/PA
BR-163/MT/PA
Extensão total: 976 km
Investimento estimado: R$ 6,6 bilhões
Objetivo: aumentar escoamento de grãos pelos portos do Arco Norte

RODOVIAS (concessões em 2016)

Rodovia em PE
BR-101/232/PE
Extensão total: 564 km
Investimento estimado: R$ 4,2 bilhões
Objetivo: construção do Arco Metropolitano do Recife, melhoria do acesso ao Porto de Suape, e duplicação para Cruzeiro do Nordeste

 

NOVAS CONCESSÕES
Pacote prevê investimentos de R$ 198,4 bi.
Rodovia na BA

BR-101/BA
Extensão total: 199 km
Investimento estimado: R$ 1,6 bilhão
Objetivo: duplicar trecho Feira de Santana/Gandu e melhorar o transporte de cargas entre Nordeste e Sudeste

Rodovia em MG
BR-262/381/MG
Extensão total: 305 km
Investimento estimado: R$ 1,9 bilhão
Objetivo: duplicar trecho Belo Horizonte/Divisa ES, melhorar a segurança e reduzir custos

Rodovia no RJ/SP
BR-101/493/465/RJ/SP
Extensão total: 357 km
Investimento estimado: R$ 3,1 bilhões
Objetivo: ampliação de capacidade do trecho Rio-Santos até Ubatuba, via de turismo, com concessão do Arco Metropolitano do Rio de Janeiro

Rodovia em SC
BR-470/282/SC
Extensão total: 455 km
Investimento estimado: R$ 3,2 bilhões
Objetivo: duplicar trecho que liga a região agroindustrial de SC aos portos do Arco Sul

Rodovia em SC
BR-280/SC
Extensão total: 307 km
Investimento estimado: R$ 2,1 bilhões
Objetivo: melhorar escoamento da safra e produção industrial de SC pelos portos do Arco Sul

Rodovia em SC
BR-101/SC
Extensão total: 220 km
Investimento estimado: R$ 1,1 bilhão
Objetivo: ampliar capacidade e melhorar a segurança da via

Rodovia no RS
BR-101/116/290/386/RS
Extensão total: 581 km
Investimento estimado: R$ 3,2 bilhões
Objetivo: duplicar a Rodovia da Produção até Carazinho, duplicar trecho Porto Alegre-Camaquã e garantir qualidade na Freeway

Rodovia no MS
BR-267/MS
Extensão total: 249 km
Investimento estimado: R$ 2 bilhões
Objetivo: duplicar ligação MS/Divisa SP e reduzir custos para o escoamento da produção agropecuária pelos portos do Arco Sul

Rodovia no MS
BR-262/MS
Extensão total: 327 km
Investimento estimado: R$ 2,5 bilhões
Objetivo: duplicar ligação Campo Grande/Divisa com SP e reduzir custos para o escoamento da produção agropecuária pelos portos do Arco Sul

Rodovia em RO/MT
BR-364/RO/MT
Extensão total: 806 km
Investimento estimado: R$ 6,3 bilhões
Objetivo: melhorar a integração das regiões produtoras de grãos do MT e de RO à hidrovia do Rio Madeira

Novos investimentos em concessões existentes: R$ 15,3 bilhões (2 projetos em andamento e 9 em avaliação)
Em avaliação:
BR-163/MT – duplicação R$ 0,8 bilhão
BR-153/SP – duplicação R$ 4 bilhões
BR-116/PR/SC – duplicação R$ 2,5 bilhões
BR-381/SP/MG – faixa adicional R$ 0,6 bilhão
BR-324/116/BA – faixa adicional R$ 0,4 bilhão
BR-393/RJ – duplicação R$ 1,3 bilhão
BR-101/RJ – duplicação R$ 1,2 bilhão
BR-116/SP/RJ – Dutra Serra das Araras, Marginais – R$ 2,3 bilhões
BR-101/376/116/SC/PR faixa adicional – R$ 0,9 bilhão

Em andamento:
BR-290/RS – Freeway faixa adicional – R$ 0,2 bilhão
BR-040/RJ – Subida da Serra R$ 1,1 bilhão

aeroportos (Foto: Reprodução/Ministério do Planejamento)

AEROPORTOS

AEROPORTO INTERNACIONAL DE FORTALEZA Pinto Martins
12º Aeroporto mais movimentado do país e o 3º da região Nordeste
Movimentação de passageiros em 2014: 6,5 milhões
Principal investimento: ampliação do pátio e terminal de passageiros
Previsão de investimentos: R$ 1,8 bilhão

AEROPORTO INTERNACIONAL DE SALVADOR
8º aeroporto mais movimentado do país e o 1º da região Nordeste
Movimentação de passageiros em 2014: 9,2 milhões
Principal investimento: ampliação do terminal de passageiros e construção da 2ª pista
Previsão de investimentos: R$ 3 bilhões

 

AEROPORTO INTERNACIONAL DE FLORIANÓPOLIS Hercílio Luz
14º Aeroporto mais movimentado do país e o 3º da região Sul
Movimentação de passageiros em 2014: 3,6 milhões
Principal investimento: novo terminal de passageiros e pátio
Previsão de investimentos: R$ 1,1 bilhão

AEROPORTO INTERNACIONAL DE PORTO ALEGRE Salgado Filho
9º Aeroporto mais movimentado do país e o 1º da região Sul
Movimentação de passageiros em 2014: 8,4 milhões
Principal investimento: ampliação de pista, pátio e terminal de passageiros
Previsão de investimentos: R$ 2,5 bilhões

Anuência para concessão de 7 aeroportos regionais delegados:
Aeroporto de Bragança Paulista/SP
Aeroporto de Campinas – Amarais/SP
Aeroporto de Itanhaém/SP
Aeroporto de Jundiaí/SP
Aeroporto de Ubatuba/SP
Aeroporto de Araras/SP
Aeroporto de Caldas Novas/GO

Ferrovias (Foto:  REPRODUÇÃO/MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO)

FERROVIAS

Ferrovia em GO/TO/MA/PA
FERROVIA NORTE-SUL Palmas/TO-Anápolis/GO e Barcarena/MA-Açailândia/PA
Extensão total: 1.430 km
Investimento estimado: R$ 7,8 bilhões
Objetivo: concluir o corredor Norte-Sul, no seu trecho norte, com saídas pelos portos do Arco Norte

Ferrovia em GO/MG/SP/MS
FERROVIA NORTE-SUL Anápolis/GO-Estrela D’Oeste/SP-Três Lagoas/MS
Extensão total: 895 km
Investimento estimado: R$ 4,9 bilhões
Objetivo: concluir o corredor Norte-Sul no seu trecho sul com interligação com polo agroindustrial em Três Lagoas

Ferrovia em MT/PA
LUCAS DO RIO VERDE/MT-MIRITITUBA/PA
Extensão total: 1.140 km
Investimento estimado: R$ 9,9 bilhões
Objetivo: melhorar o escoamento da produção agrícola do MT pela hidrovia do Tapajós

RIO DE JANEIRO/RJ-VITÓRIA/ES
Extensão total: 572 km
Investimento estimado pelo estudo realizado pelos governos do ES e RJ: R$ 7,8 bilhões
Objetivo: integrar o porto do Rio de Janeiro e os terminais privados de ambos estados ao porto de Vitória e Tubarão

FERROVIA BIOCEÂNICA
Trecho brasileiro estimado – 3,5 mil km
Investimento estimado com base no custo de construção e material rodante de outras ferrovias brasileiras: R$ 40 bilhões
rota estratégica de escoamento da produção, via Pacífico, para os mercados asiáticos

NOVOS INVESTIMENTOS EM CONCESSÕES EXISTENTES
Estimativa de investimentos: R$ 16 bilhões
Projetos em negociação com os concessionários:
– Ampliação de capacidade de tráfego
– Novos pátios
– Redução de interferências urbanas
– Duplicações
– Construção de novos ramais
– Equipamentos de via e sinalização
– Ampliação de Frota

portos (Foto: Reprodução/Ministério do Planejamento)

PORTOS

ETAPA 1
Grãos – Pará (5) e Santos (1)
Celulose – Santos (2)
Investimento previsto: R$ 2,1 bilhões

ETAPA 2
Granéis – Pará (2) e Santos (4)
Carga Geral e de Contêineres – Pará (1) e Santos (2)
Combustíveis e GLP – Pará (12)
Investimento previsto: R$ 4,7 bilhões

G1

Comentários

comentários