“Nenhum policial é homem para me obrigar”, disse preso por perturbação

Som automotivo apreendido pela polícia militar (Foto: Divulgação)

Por perturbação do sossego, desobediência e agressão a polícia, um homem foi preso na madrugada deste domingo (18), em Fátima do Sul, a 240 quilômetros de Campo Grande. A Polícia Militar foi acionada por moradores, que reclamavam do alto volume do som automotivo.

Ao checarem o volume do som, que estava em uma saveiro prata, a equipe policial solicitou ao proprietário do veículo, os documentos pessoais. De acordo com a PM, Thiago Júnior da Silva Barroso, dono do carro, disse que não entregaria seus documentos e debochou da polícia, dizendo que “nenhum policial era homem para obrigá-lo.”

Por desobediência, foi dada voz de prisão ao homem, que resistiu e desafiou os policiais a apreenderem seu veículo. A namorada de Thiago, interferiu na prisão e agrediu os policiais, o que agravou a ocorrência. Devido a resistência ativa do casal e agressões verbais, a PM pediu o apoio da Força Tática, que colou a dupla no camburão.

O veículo, toda aparelhagem de som e todos os envolvidos foram encaminhados à delegacia. Os policiais e os autores realizaram exames de corpo de delito, constatando escoriações.

Comentários