Mutirão em Água Clara consegue a baixa de 1.540 processos

Ascom TJMS

A Juíza e servidores da comarca de Água Clara, distante 190 km de Campo Grande, estão comemorando uma grande conquista. No mês de setembro, por meio de um esforço concentrado, conseguiram baixar 1.540 processos.

De acordo com a juíza Camila de Melo Mattioli Gusmão Serra Figueiredo, os trabalhos foram realizados como um mutirão de baixa da vara única e do juizado. “Em agosto havia 6.376 processos em trâmite na comarca e, ao fim do mutirão, contamos com 5.284 processos. Houve esforço de todos os servidores da comarca e tivemos o auxílio dos oficiais de justiça e estagiários”, disse ela.

Questionada sobre como surgiu a ideia, ela contou que a iniciativa começou com a juíza que atuou na comarca antes dela, Thielly Dias de Alencar Pithan e Silva, com o objetivo de baixar o número de feitos em trâmite na comarca, arquivando aqueles que já estavam julgados e dando sentença de mérito em processos aptos a julgamento.

“Tivemos ajuda também da Central de Processamento Eletrônico (CPE), com papel significativo, além do apoio Ministério Público e da Defensoria Pública. Continuaremos empenhados em entregar ao cidadão uma prestação jurisdicional mais célere e, tenho certeza, em pouco tempo teremos resultados tão bons quanto esse”, concluiu.

Comentários