Multidão pró-Bolsonaro lota a Avenida Afonso Pena

Texto: Lúcio Borges ..... Título/vídeo:: Jackson Nogueira

A campanha do candidato a Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL), em Campo Grande, se mobilizou na tarde deste domingo (30), para uma manifestação a favor do presidenciável que contou com uma grande carreata pela principal avenida da Capital. O #Elesim hoje vem após a mobilização do #Elenão em manifestações contra o candidato, pelas redes sociais durante o mês de setembro, e, que culminou neste sábado (29), com centenas de milhares nas ruas pelo Brasil e diversos países do mundo. Ontem, cerca de 5 mil caminharam na Capital no protesto contra, hoje a ação foi a motor, onde a organização esperava 10 mil veículos para percorrer as ruas.

Ontem, ocorreram algumas manifestações a favor do candidato em 17 Capitais/cidades, anunciadas pela imprensa nacional. Mas, os pró em Campo Grande deixaram para hoje, onde durante quase toda a tarde, o trânsito nos altos da avenida Afonso Pena ficou parado no sentido Parque dos Poderes devido à manifestação em apoio a Bolsonaro. Da rua Rio Grande do Sul, até o local da concentração da carreata no Parque das Nações. A ação se confunde ou movimento de grupos de jovens que normalmente se aglomeram na avenida, misturam-se com os manifestantes.

 

O trajeto da carreata seguiu saindo dos altos da Avenida Afonso Pena, rua Bahia e avenida Mato Grosso, mostrando teoricamente uma participação e apoio, como mostra a imagem da longa fila de carros. A organização esperava atrair 10 mil veículos, mas já mencionava que havia maior números, antes  de sair no horário programado das 15 horas, pela campanha que ainda anunciava Bolsonaro hospitalizado. Contudo, o candidato recebeu alta e saiu do hospital Sírio Libanês em São Paulo na tarde de ontem e viajou para sua cidade, o Rio de Janeiro.

Uma das organizadoras, Sirlei Ratier, afirmava ainda a pouco, que o ato simboliza a campanha para o candidato, que estava hospitalizado e não pode participar de ações em prol da candidatura. “Estamos fazendo campanha para o Bolsonaro, para que ele vença ainda no primeiro turno. Está Sirlei Ratier é uma das organizadoras (Paulo Francis)sendo abraçado. Como está hospitalizado e não pode fazer a própria campanha, seus apoiadores está fazendo por ele”, comentou.

Os contrários

Ontem, no #Elenão, foram cerca de 5 mil pessoas à pé na região da Orla Morena, que se manifestaram por duas horas, na Capital, como ocorreu também caminhadas por MS, em Três Lagoas, Paranaíba, Aquidauana, Corumba e Dourados.

Pelo Brasil, em todas as Capitais, e cerca de 200 cidades, até onde se propagou a divulgação da ação, ocorreram grandes manifestações contra o candidato, com ruas lotadas em caminhadas nos centros das cidades, com mostra as imagens abaixo no Rio de Janeiro e em Campo Grande-MS.

Campo Grande -MS na tarde de sábado no #Elenão (foto: Lúcio Borges)
Em Campo Grande -MS (fotos: Lúcio Borges)

Comentários