Multas por ultrapassagens perigosas triplicam nas rodovias federais de MS durante feriado

Os números de multas por ultrapassagens perigosas triplicou nas rodovias federais de Mato Grosso do Sul durante o feriado de Proclamação da República.

Conforme o levantamento feito pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), de 78 registros em 2018, o quantitativo avançou para 258 neste ano. Isso representa um aumento de 230,7%.

A corporação realizou operação ostensiva nas rodovias, ampliando o quadro de policiais plantonistas em 137 agentes, isso por meio do sistema de Indenização por Flexibilização Voluntária do Repouso Remunerado. Essa estratégia garantiu maior cobertura policial nas rodovias federais do Estado.

Durante os quatro dias em realização, a operação abordou 4.709 veículos resultando em: 150 autuações por não uso do cinto de segurança [63 motoristas e 87 passageiros] e 24 autuações por não uso de cadeirinha de segurança por crianças.

Além disso, 48 motoristas foram flagrados conduzindo veículo embriagados. 17 acabaram presos. Ao todo foram realizados 2959 testes de bafômetro.

ACIDENTES

Neste ano o número de acidentes registrou redução de 13,6%. Foram 19 ocorrências, 5 graves. Em 2018 ocorreram 22 acidentes, 6 graves.

O número de pessoas feridas nas rodovias federais de MS contabilizou 23 vítimas, além de 3 pessoas que acabaram morrendo devido a gravidade dos ferimentos.

Os três óbitos foram em decorrência dos seguintes acidentes:

Um acidente do tipo colisão frontal, com duas vítimas fatais e uma em estado grave, no km 175 da BR 267, por volta das 12h de sábado (16), em Nova Alvorada do Sul (MS).

O fato envolveu um veículo de passeio, VW Space Fox, placas de Presidente Bernardes (SP), e uma carreta Volvo, placas de Presidente Prudente (SP).

A suspeita é de que a condutora do veículo de passeio teria dormido ao volante e atravessado a faixa de sentido oposto. Os dois filhos dela, um menino de 11 anos e uma jovem de 19 anos, gestante, foram a óbito no local.

A carreta tombou após a colisão e a pista ficou interditada, sendo liberada no início da noite de sábado.

O condutor da carreta se feriu levemente.

Foi acionado o Bombeiro Comunitário de Nova Alvorada do Sul, bem como a perícia da Polícia Civil.

O motorista do caminhão envolvido neste acidente havia sido fiscalizado horas antes pela PRF. Na abordagem, foi realizado o teste do bafômetro que apresentou resultado negativo. Também foi verificado o disco tacógrafo da carreta, que estava corretamente preenchido.

Já o segundo acidente com vítima fatal, foi no km 343 da BR-060, por volta das 06h de domingo (17).

O acidente envolveu uma motocicleta Honda/CG, placas de Campo Grande (MS) que colidiu na traseira de uma caminhonete Chevrolet/S10, placas de Aquidauana (MS).

O condutor da motocicleta, de 19 anos, foi a óbito no local e o motorista da S10 saiu ileso.

Comentários