Mulher vê companheiro com outra, fica com ciúmes e atropela casal

11tropleA condutora de um Voyage preto, de 30 anos, atropelou um casal na rua João B. Motta, no bairro Guaicurus, e ainda tentou manobrar o veículo para acertá-los novamente, mas o carro não pegou. Não bastasse, pegou um objeto dentro de seu veículo e dirigiu-se em direção às vítimas que estavam caídas ao chão.

Conforme boletim de ocorrência, a condutora disse ao homem: “Era para você ter morrido”, e logo em seguida a autora subiu em um caminhão e fugiu. As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros Militar. O casal foi levado até à UPA do Guatós para os primeiros socorros.

Conforme relato do médico plantonista, as vítimas não correm risco de morte e o homem sofreu fratura exposta, mas estava consciente. Ele informou à Polícia Civil o endereço onde mora a sua companheira, autora do atropelamento e que o motivo da atitude da mulher, segundo ele, é que ela estava desconfiada de traição da parte dele. O caso foi registrado como lesão corporal dolosa.

Comentários

comentários