Mulher é presa acusada de simular doença nos olhos para receber doações

G1/JN


Kamilla Resende Nunes, 30, foi presa nesta sexta-feira (28) em São Gotardo (MG)

Uma mulher de 30 anos foi presa nesta sexta–feira (28) por simular ter uma doença nos olhos para conseguir doações financeiras em São Gotardo, no Alto Paranaíba. Segundo a Polícia Militar (PM), após denúncias, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) apurou o caso e conseguiu na Justiça um mandado de prisão preventiva contra ela.

De acordo com a PM, Kamilla Resende Nunes é natural de Uberaba e simulava ter uma hipertensão rara que ataca os olhos, rins, coração e outros órgãos e utilizava maquiagem para fingir ferimentos nas redes sociais e conseguir arrecadar dinheiro.

Na casa dela foram apreendidos diversos produtos de maquiagem e laudos médicos, pedidos de exame, extratos bancários e outros documentos falsos.

Ela foi levada para a Penitenciária de Carmo Paranaíba.

Comentários