Mulher denuncia agressões do marido e pede medidas protetivas contra ele

Uma briga de casal ontem à noite (7) resultou na agressão da mulher, de 33 anos.

Por volta da 00h de hoje (8), ela procurou a polícia para registrar as agressões sofridas pelo marido José Ribamar Piedade Silva, de 34 anos.

Após agressão, mulher procura a polícia e denuncia o marido (Foto: Ilustração)
Após agressão, mulher procura a polícia e denuncia o marido (Foto: Ilustração)

No BO, a vítima relatou que foi espancada por um banco de madeira e depois ameaçada de morte pelo marido, que tinha em seu poder uma faca de cozinha.

Tudo isso aconteceu, segundo ela, na frente dos dois filhos de três anos e um recém-nascido.

Ainda segundo a ocorrência, mulher disse que estava com os filhos na sala e decidiu se deitar no quarto, acompanhada pelo filho mais velho. O marido já estava na cama e teria dito à criança: “sai daqui cabeção, beiçudo zoiudo”.

Por não gostar do tratamento dado ao filho, ela exigiu respeito do marido. José então passou a agredi-la com tapas no rosto e com um banco de madeira.

A mulher conseguiu escapar e pegou um espelho para jogar na direção do agressor;

Em seguida, José foi para fora de casa, pegou uma tábua e votou a bater na mulher.

Após as agressões, ele pegou uma faca e disse: “você vai me perdoar? Você defende seu filho porque você gosta do pai dele, se você não me quer é porque, você quer outro. Se você chamar a polícia eu persigo você até te matar”.

A mulher foi à polícia, registrou a ocorrência e pediu medidas protetivas de urgência, além da assistência da Defensoria Pública.

Comentários

comentários