Mulher ateia fogo em casa após discutir com marido e ser ameaçada

Da Redação/JN

Cristina Batista dos Santos, 37 anos, foi presa na noite de segunda-feira (3), suspeita de incendiar o barraco onde morava, após brigar com o marido, no jardim Colibri, em Campo Grande. Ela foi presa em flagrante, diz polícia.

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 21h30, três viaturas do Corpo de Bombeiros foram acionadas para combater o incêndio em uma área invadida, na região sul da capital sul-mato-grossense.

Um barraco foi destruído pelas chamas, outro ao lado também foi atingido. Testemunhas contaram que a dona do imóvel teria colocado fogo de propósito. Depois que as chamas foram controladas, a mulher prestou depoimento e acabou confessando o crime, segundo a polícia.

A moradora contou aos investigadores que ateou fogo em um colchão. O marido que estava no quintal fugiu e não foi encontrado. O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), do bairro Piratininga.

Comentários