MS notifica mais de 14 mil casos de dengue; 765% a mais que em 2018

De janeiro até hoje (21), a SES (Secretaria Estadual de Saúde) notificou 14.060 casos de dengue em Mato Grosso do Sul. O número é 765,7% maior que os primeiros três meses de 2018, quando apenas 1624 casos tinham sido notificados.

Dngue já matou 4 pessoas este ano no Estado

A quarta morte no Estado neste ano foi confirmada no último dia 19. A vítima é um idoso de 78 anos, que não teve o nome divulgado, estava internado na Santa Casa de Campo Grande. Com este caso a Capital já registra dois óbitos, os outros dois foram em Três Lagoas.

A confirmação deste caso ocorreu apenas 13 dias após confirmar a terceira morte por dengue, no dia 6 de março. A outra vítima da Capital era um homem de 72 anos, que morreu no dia 27 de janeiro deste ano. Já em Três Lagoas, a 324 quilômetros de Campo Grande, a morte ocorreu no dia 10 de fevereiro e a vítima era uma mulher de 56 anos. Três Lagoas já havia confirmado a morte de uma mulher de 76 anos por dengue em fevereiro.

Quinze municípios do Estado registram epidemia de dengue, que é quando há mais de 300 casos para cada 100 mil habitantes. Campo Grande é uma das cidades onde há epidemia, e a única até agora onde foi decretada situação de emergência no dia 8 de março.

Os bairros Jardim Noroeste, Centro-Oeste, Chácara dos Poderes, Nova Campo Grande, Los Angeles, Moreninhas, Veraneio e Maria Aparecida Pedrossian, respectivamente, apresentam a maior incidência de casos notificados de dengue.

Comentários