Massa lidera por 20 voltas, mas perde pódio para Hamilton em erro da Williams

Hamilton e Rosberg
Hamilton e Rosberg comemorando resultado na prova – Foto: Valdrin Xhemaj/EPA / EFE

O britânico Lewis Hamilton garantiu a festa da torcida no Grande Prêmio da Inglaterra de Fórmula 1 ao vencer a emocionante prova deste domingo no circuito de Silverstone. Ele perdeu a ponta para o brasileiro Felipe Massa na largada, mas aproveitou o bom ritmo de sua Mercedes para recuperar a posição de honra na primeira parada para troca de pneus e recebeu a bandeira quadriculada em frente a seus compatriotas.

Nico Rosberg ficou com a segunda colocação, aproveitando-se da estabilidade do carro da Mercedes com a pista úmida. A menos de 15 voltas para o fim, ultrapassou Felipe Massa e Valtteri Bottas, que passaram quase toda a prova a sua frente, e garantiu uma dobradinha da Mercedes. Sebastian Vettel, da Ferrari, completou o pódio.

Hamilton faz a festa no pódio em SIlverstone Dupla da Mercedes volta a dominar na F1 Hamilton no pódio; vitória na estratégia Terceiro lugar caiu no colo de Vettel Hamilton cruza a linha de chegada Felipe Massa ficou em quarto. Largando da terceira colocação, ele pulou na largada para a ponta e lá se manteve até a parada para troca de pneus. Acabou ultrapassado por Lewis Hamilton nos boxes e perdeu a posição de Rosberg quando a chuva chegou a Silverstone e o carro da Williams, com baixa pressão aerodinâmica, perdeu desempenho.

O brasileiro também foi ultrapassado nos boxes por Sebastian Vettel, que antecipou sua parada para colocar pneus intermediários e ganhou rendimento em comparação aos rivais da Williams. Valtteri Bottas foi o quinto, seguido por Daniil Kvyat, Nico Hulkenberg, Kimi Raikkonen e Sergio Pérez. Fernando Alonso foi o décimo, anotando os primeiros pontos da McLaren na temporada. Já Felipe Nasr nem participou da agitada corrida em Silverstone. Com um problema no câmbio de sua Sauber, ficou parado no meio do caminho entre os boxes e o grid. A equipe tentou arrumar seu carro na garagem, mas não obteve sucesso a tempo da largada.

A vitória em Silverstone deixa Lewis Hamilton com 194 pontos na liderança do Mundial de Fórmula 1, com 17 de frente para Nico Rosberg. A próxima etapa do calendário da categoria é o Grande Prêmio da Hungria, em 26 de julho, o último antes do recesso de verão. Felipe Massa pôde mostrar em Silverstone sua habilidade em largadas. Com uma manobra só, pulou da terceira para a primeira colocação, passando entre o pole Lewis Hamilton e o segundo colocado Nico Rosberg. Valtteri Bottas também aproveitou o vacilo dos pilotos da Mercedes e assumiu a segunda posição.

Lewis Hamilton demorou pouco para retomar a posição do finlandês da Williams e assumiu a vice-liderança. Antes que pudesse começar a atacar o brasileiro, o carro de segurança entrou na pista por causa de um acidente envolvendo Jenson Button, Romain Grosjean e Pastor Maldonado. O britânico da Mercedes tentou assumir a ponta já na relargada e pagou caro por isso. Na manobra para ultrapassar Felipe Massa, acabou ficando sem espaço na pista e passou pela área de escape. Como resultado, foi deixado para trás por Valtteri Bottas e passou a receber pressão de Nico Rosberg. Sem conseguir ganhar posição na pista, Hamilton foi aos boxes na 19ª volta, retornando à prova com pneus duros em seu carro.

A Williams reagiu à manobra da Mercedes e chamou Felipe Massa para a troca de pneus no giro seguinte, junto a Rosberg. Com uma parada de 3s8, o brasileiro voltou à pista à frente do alemão da Mercedes por uma vantagem mínima, mas viu Lewis Hamilton ganhar sua posição. Bottas trocou seus pneus em 3s2, o que não foi suficiente para tomar o posto de Massa, vice-líder da prova após os pit-stops. Lewis Hamilton começou a fazer a festa da torcida em Silverstone quando teve caminho livre pela frente. Rapidamente abriu mais de 3s de vantagem sobre Massa. A disputa voltou a ganhar dramaticidade quando as equipes começaram a prever a chegada da chuva a Silverstone.

A precipitação atingiu o circuito inglês a 17 voltas para o fim da prova ainda sem força. As equipes se prepararam para a troca de pneus e os pilotos encontravam dificuldades para se manter na pista, mesmo assim nenhum dos ponteiros parou. Bottas era quem mais sofria e acabou ultrapassado por Rosberg. Hamilton perdeu o controle e foi na área de escape. O melhor rendimento do carro da Mercedes com a pista úmida fez com que o alemão logo ganhasse o posto de Felipe Massa. Rosberg também se aproximou rapidamente de Hamilton, que a oito voltas do fim finalmente foi aos boxes para colocar pneus intermediários.

A chuva ganhou intensidade em Silverstone e o restante do pelotão também foi obrigado a entrar nos boxes no giro seguinte. Hamilton foi quem se deu melhorar por antecipar a parada, aumentando sua vantagem para Rosberg. Massa acabou prejudicado na demora da equipe Williams em chamá-lo para a troca de pneus. Como precisou andar em ritmo muito lento antes do pit, quando retornou à pista estava em quarto, atrás também de Sebastian Vettel, um dos primeiros a mudar seus compostos . Veja o resultado do Grande Prêmio da Inglaterra de Fórmula 1:

1: Lewis Hamilton (ING/Mercedes)
2: Nico Rosberg (ALE/Mercedes)
3: Sebastian Vettel (ALE/Ferrari)
4: Felipe Massa (BRA/Williams)
5: Valtteri Bottas (FIN/Williams)
6: Daniil Kvyat (RUS/Red Bull)
7: Nico Hulkenberg (ALE/Force India)
8: Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari)
9: Sergio Pérez (MEX/Force India)
10: Fernando Alonso (ESP/McLaren)
11: Marcus Ericsson (SUE/Sauber)
12: Roberto Merhi (ESP/Manor Marussia)
13: Will Stevens (ING/Manor Marussia)

Não completaram:
Carlos Sainz Jr. (ESP/Toro Rosso)
Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull)
Max Verstappen (HOL/Toro Rosso)
Pastor Maldonado (VEN/Lotus)
Romain Grosjean (FRA/Lotus)
Jenson Button (ING/McLaren)
Felipe Nasr (BRA/Sauber)

Fonte: Terra

Comentários

comentários