Marina quer que Brasil se torne líder em agricultura sustentável

Portal G1

Marina Silva (Rede) faz campanha em Goiás

A candidata da Rede à Presidência da República, Marina Silva, visitou nesta sexta-feira (24) uma fazenda em Ipameri, região sudoeste de Goiás, considerada modelo de produção com sustentabilidade ambiental. Em entrevista após a visita, ela disse que, em um eventual governo, vai trabalhar para o Brasil ser o país de maior agricultura “rentável e sustentável” do mundo.

Marina foi ao local acompanhada de candidatos a deputado federal em Goiás e representantes da Rede no estado.

“A agricultura brasileira é responsável por 22% do PIB. Gera 20% dos empregos brasileiros, representa 44% das nossas exportações, são R$ 97 bilhões. É possível fazer isso de forma sustentável. Vamos trabalhar para que o Brasil seja o país de maior agricultura sustentável e rentável do mundo”, afirmou a candidata em entrevista após a visita.

Marina citou a fazenda em Ipameri como um exemplo do que pode ser feito no agronegócio brasileiro.

“Aqui é o que se chama agricultura de baixo carbono, com a integração de várias práticas de recuperação de área degradada, plantio direto, fixação biológica de nitrogênio e, ao mesmo tempo, você tem também tratamento adequado do rejeito dos animais”, disse a candidata.

“Então você ajuda a reduzir a emissão de CO2, tem alta produtividade e gera emprego e renda protegendo o meio ambiente”, completou.

Marina Silva fez discurso após visitar fazenda no interior de Goiás (Foto: Reprodução)

Marina Silva fez discurso após visitar fazenda no interior de Goiás (Foto: Reprodução)

Comentários