Mãe mata filha com crucifixo por achar que ela ‘estava possuída’

Mãe e filha trabalhavam juntas e eram muito próximas

Oklahoma – Uma americana acusada de matar sua própria filha usando um crucifixo foi presa no último sábado, em Oklahoma City, nos Estados Unidos. Juanita Gomez, de 49 anos, teria tirado a vida de Geneva, de 33, na casa da família por achar que ela estava possuída por forças malignas.

Juanita achava que sua filha estava possuída por forças malignas Divulgação
Juanita achava que sua filha estava possuída por forças malignas
Divulgação

De acordo com o site de notícias local “News Ok”, a mulher forçou o pingente e um medalhão religioso contra a garganta da filha até que ela sangrasse. Geneva foi encontrada pela polícia deitada no chão da casa com os braços abertos e com o crucifixo sobre o peito. Juanita também teria limpado o corpo da vítima.

Mãe e filha trabalhavam juntas e ainda segundo o jornal, eram muito próximas. Juanita foi presa e responderá pelo homicídio.

Comentários

comentários