”Luto contra o transtorno bipolar há anos”, diz Demi Lovato

Há cinco anos, a estrela teen Demi Lovato descobriu que tem transtorno bipolar ao procurar ajuda médica após brigar com uma dançarina durante uma turnê internacional dos Jonas Brothers.

Demi Lovato descobriu a doença há cinco anos  (Foto: Site Oficial)
Demi Lovato descobriu a doença há cinco anos
(Foto: Site Oficial)

Hoje, ela faz tratamentos para controlar a doença e participa de uma campanha com cinco organizações de saúde mental para ajudar pessoas que sofrem do mesmo mal, segundo contou à revista norte-americana “People”.

“A questão é muito importante para mim porque eu venho lutando contra o transtorno bipolar há vários anos. Meu pai também sofria de esquizofrenia e transtorno bipolar, e eu assisti ele viver uma vida muito infeliz por causa da falta de tratamento”, disse a cantora.

Com o projeto, Demi quer incentivar outros portadores do problema a falarem mais sobre o assunto, seja com seus médicos, família ou amigos.

O transtorno bipolar é caracterizado por alterações de humor e pode se manifestar em episódios depressivos alternados com momentos de euforia, atividade cognitiva e física intensa ou falta de autocontrole e bom senso.

“Eu acho que a doença mental é algo sobre o que as pessoas precisam aprender mais. Há tantas maneiras de ajudar. É preciso fazer alguma coisa sobre esse problema que está se tornando quase uma epidemia.”

Com a doença controlada, Demi afirmou que hoje é capaz de manter sua vida normal e que está feliz com o resultado dos tratamentos. “Eu tenho um cachorro novo e eu sou capaz de não apenas cuidar de mim, mas dele também. Estou vivendo meu sonho. A vida é bastante surpreendente.”

Folha.com

Comentários

comentários