Lutador de MS conquista duas medalhas em competição de Jiu-Jitsu organizada pela família Gracie

Michael Franco

O lutador de Jiu-Jitsu Giovani “Cowboy” Balbuena foi campeão do Gracie Pro 2017 na categoria peso pesado, até 94,3 Kg. A competição aconteceu na Arena Carioca, no Rio de Janeiro e foi organizada pela Família Gracie, clã tradicional na arte suave. Além da conquista do primeiro lugar em sua categoria,o atleta sul-mato-grossense também foi o terceiro colocado no peso Absoluto, em que não há limitação entre as diferenças de categoria. As lutas de Giovani Cowboy ocorreram neste fim de semana, dias 22 e 23, e foram televisionadas para todo o Brasil.

Em entrevista exclusiva para o Página Brazil, Cowboy lembrou da complexidade das lutas em decorrência da qualidade dos atletas. “Tive lutas bem difíceis, o nível estava altíssimo. Foram cinco lutas, na final da categoria consegui ainda uma vitória com finalização”. O lutador ressaltou também, a importância de participar de uma competição de grande mostragem. “Foi muito bom participar desse torneio,ainda mais por ser um evento organizado pela família Gracie e na cidade do Jiu-Jitsu”.

A organizadora Kyra Gracie ao lado de Cowboy

Segundo o lutador, o Gracie Pro 2017 é de grande relevância na sua carreira pois a transmissão do torneio mostrará sua qualidade para todo o país. “Vai me dar uma boa visibilidade por ter sido um evento bem divulgado, transmitido ao vivo na TV e na Internet. Ainda mais sendo campeão na minha categoria e terceiro no absoluto a visibilidade se tornou maior”.

Capital 95 FM estampada no kimono de Cowboy, sendo mostrada para todo Brasil

Giovany Cowboy salienta que a vitória é resultado de uma boa preparação e uma equipe. O atleta treinava todos os dias para superar os outros grandes lutadores que participaram da competição no Rio de Janeiro “Essa conquista se deve a minha determinação, treinos diários na academia Fight Sports. E minha preparação física com o Personal Marcos Paulo também me deixou muito bem pra fazer as lutas com ótimo desempenho”.

O atleta contou com o apoio da rádio Capital 95 FM e levou o emblema da emissora estampado em seu kimono. Cowboy é mais um represante do esporte de MS e principalmente das artes marciais do estado que sempre trazem medalhas e boas histórias na volta ao Estado do Pantal.

Comentários