Lote de remédio para Esquizofrenia deve ser recolhido, determina Anvisa

Lúcio Borges

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) suspendeu a partir desta quinta-feira (26), a venda e uso de lote de um remédio para Esquizofrenia. A proibição saiu em resolução que entra em vigor hoje contra o medicamento Melleril (cloridrato de tioridazina). Erro em embalagem de uma quantia maior está em caixa de menor quantia/valor/intensidade.

A resolução da Anvisa foi publicada nesta quinta-feira no Diário Oficial da União suspendendo a distribuição, a comercialização e o uso do lote 0000045 (Val Out/2019) do medicamento com drágeas 25mg e 100 mg, registrado pela empresa Valeant Farmacêutica do Brasil Ltda.

De acordo com a publicação, a empresa comunicou recolhimento voluntário do medicamento após constatar que drágeas de 100 mg do Melleril foram embaladas erroneamente nos cartuchos de drágeas de 25 mg do mesmo produto.

Comentários