Lobo-guará é capturado por assentados em MS; veja vídeo

Policiais Militares Ambientais de Campo Grande foram acionados ontem (19) à tarde por um assentado de 26 anos, em razão da captura de um lobo-guará, efetuada por moradores do assentamento São Geraldo, localizado no município de Terenos. Segundo os assentados, o animal estava se alimentando de diversas galinhas no local. Então resolveram fazer uma armadilha em um dos galinheiros e o capturaram.

A PMA acionou técnicos do Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), para a possível soltura no animal na região. Ao chegar ao assentamento o lobo foi transferido do galinheiro para uma caixa. Os Policiais não autuaram os assentados, porém, orientaram que a captura de animal pode ser realizada em casos de proteção de rebanhos e lavoura, porém, precisa de autorização do órgão ambiental, no caso, o Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul).

loboÉ comum nesses casos, a PMA não executar a autuação, pois se o bicho continua se alimentando da criação dos assentados, pode haver a morte do animal, sem que os órgãos ambientais tomem conhecimento. Alguns assentados que fizeram a armadilha disseram, que a ideia de alguns era o abate do lobo.

O animal foi levado a aproximadamente 80 kg do assentamento pela PMA e pelos técnicos do CRAS a uma fazenda cadastrada para soltura de animais e foi solto.

Comentários

comentários