Karla Alves desembarca no Rio com primeira franquia do projeto ‘Phototerapia’

Ela chegou em solo carioca e promete fazer a cabeça e, claro, o bronzeado da mulherada! A Rainha do Bronze, Karla Alves, esteve no Rio neste domingo (30) para a inauguração de sua primeira franquia “Phototerapia” no elegante e suntuoso salão e clínica de estética Puro Luxo, em Bonsucesso.

Com um carisma e magnetismo naturais, a empresária que é um dos nomes mais conhecidos no ramo da beleza graças à sua exclusiva linha de bronzeadores “Click 10”, falou sobre a expectativa do lançamento: “É um produto revolucionário, pensado para a pele brasileira, levando

em consideração cada característica nossa e com todo cuidado necessário para uma pele fabulosa. Estou muito feliz de estar aqui na Cidade Maravilhosa.”, contou ela que já planeja a inauguração da segunda franquia.

“Phototerapia” é o nome do projeto que possibilita as franquias em todo território nacional. Trata-se de um tratamento de pele intensivo, com produtos feitos especialmente para as franqueadas. Sempre preocupada em desenvolver soluções e tecnologias que atendem à procura do mercado, como ingredientes naturais e da mais alta qualidade, Karla cultivou o sonho de ter uma rede de franquias que se concretizou e hoje já são mais de 10 unidades vendidas e muitas outras em negociação.

Click UV é um produto sem corantes, dermatologicamente testado e aprovado e registrado da Anvisa. Além do tratamento, as franqueadas contam com suporte de um time comercial, toda parte de operacionalização de sistemas, onde as clientes mesmo podem fazer o agendamento, e o franqueado tem acesso a todas as informações em um só lugar.

Referência em empreendedorismo, mas que sabe das dificuldades impostas pela pandemia, Karla vem, desde o início da propagação da Covid-19, se dedicando a ajudar quem mais precisa. Não importa a agenda lotada nem os infinitos compromissos do dia: toda sexta-feira às 4 da manhã já está de pé cozinhando marmitas que são distribuídas e que fazem a diferença na vida de muita gente nas portas de hospitais, nas ruas e onde mais for preciso.

“Eu sei o que é não ter o que comer, o que é se sentir desolado. Quando eu cheguei em Brasília, eu fui ajudada. Retribuir isso é algo pra mim natural, temos que sentir gratidão e agir.”, sentencia. Isso sim é ter e ser um sucesso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu cometário!
Por favor, insira seu nome aqui