Justiça garante à CCR livre acesso a BR-163 próximo ao Linhão

A CCRMS vias conseguiu decisão na Justiça, que lhe dá garantia de livre acesso a BR-163, no Km 483 na Capital na área próxima da comunidade conhecida como Linhão, no bairro Noroeste. A decisão é do juiz Marcelo Andrade Campos Silva da 16ª vara civil de Campo Grande

A posse está marcada para a próxima quinta-feira dia 7 de julho e a Concessionária acionou a Justiça porque no último dia 28 de junho moradores da região, que haviam sido notificados para saírem da área, interditaram a BR por cerca de seis horas.

Caso haja nova interdição, o Batalhão de Choque da Polícia Militar será acionado para removê-los. A PRF também foi notificada para auxiliar na ação.

A CCR recorreu a Justiça porque, segundo a empresa, cerca de 60 manifestantes informaram que vão impedir novamente os trabalhos da concessionária na BR naquela altura.

Existente há mais de uma década sob a linha de alta tensão da Energisa, a favela possui 93 famílias.

Na decisão ainda consta que o Ministério Público deve intervir no caso através da Defensoria Pública que deverá atender os moradores, que tem prazo de 15 dias para se manifestarem sobre o tema.

O Juiz estipulou ainda multa diária de R$ 200, 00 (duzentos reais) por dia a cada pessoa que tentar impedir a reintegração.

 

Comentários

comentários