Jurado de morte é executado com 16 tiros

Cristian Adan Velazquez Marmori, 21, foi executado com 16 tiros enquanto voltava para casa, por volta de 19h30 de ontem (19) na Vila Cristina em Amambai, distante 360 km de Campo Grande.

Segundo a esposa da vítima ouvida pela polícia, o jovem havia sido ameaçado de morte durante briga em Bela Vista, no norte do Paraguai., em 2013. A polícia investiga se realmente esta foi a motivação para o crime.

Cristian trabalhava em propriedade rural da cidade como tratador de cavalos em um jockey da cidade.. No início da noite ele retornava de bicicleta para a casa onde morava quando foi surpreendido por pistoleiros e assassinado a tiros.

No corpo havia perfurações na cabeça, braços e tórax. A suspeita de policiais é que o jovem tenha sido perseguido por atiradores e morto quando entrou em rua isolada.

O caso foi registrado como homicídio qualificado na delegacia de Amambai.

Comentários

comentários