Juiz do futebol brasileiro tem o pior salário entre as grande ligas do mundo

Os protestos antes da rodada de meio de semana do Campeonato Brasileiro recolocaram em pauta a discussão sobre os ganhos dos árbitros. Cobrando o direito a receber 0,5% dos valores de direito de transmissão de TV, os juízes do país ganham de R$ 2,3 mil até R$ 4 mil por jogo na Série A. Muito ou pouco?

Árbitro da NFL, da Série A do Brasileiro ou do futebol europeu: quem ganha mais? (Foto: Getty e Gazeta Press)
Árbitro da NFL, da Série A do Brasileiro ou do futebol europeu: quem ganha mais? (Foto: Getty e Gazeta Press)

Na comparação com outras ligas pelo mundo, ninguém ganha tão mal. No Brasil, um juiz Fifa recebe R$ 3.450 por partida na Série A. Se for CBF 1, nível dos melhores do país que não integram o quadro da entidade máxima do futebol, R$ 2.350. Nos dois casos, há bônus de R$ 500 para jogos apitados fora de seu estado.

Na Copa do Brasil, a tabela é semelhante. A partir das oitavas de final até a semi, são R$ 3.650 para árbitros Fifa e R$ 2.670 para aspirantes. Na decisão, os valores sobem, respectivamente, para R$ 4.300 e R$ 3.000 mil. Nos campeonatos estaduais, cada federação tem uma divisão diferente nos salários de seus filiados.

A grande liga que mais se aproxima do salário por partida de um árbitro do quadro Fifa na Série A do é a NBA. Na elite do basquete norte-americano, também há quem ganhe R$ 3,4 mil por jogo. O valor que é teto no Brasil, porém, é o piso de árbitros novatos por lá – e eles, ainda assim, podem chegar a receber R$ 6,8 mil.

Já na comparação com juízes experientes da NBA, os brasileiros ficam no chinelo: os ganhos desses árbitros variam de R$ 10,4 mil a R$ 15,4 mil por duelo. Como a competição tem muito mais partidas que a Série A, os rendimentos anuais são assombrosos: R$ 696 mil para os mais jovens e até R$ 1,9 milhão para veteranos.

O árbitro mais escalado da Série A em 2014, por exemplo, foi Ricardo Marques Ribeiro, com 24 jogos. Com os valores da tabela de 2015, isso representaria um ganho de R$ 82.800. Fora isso, ele também recebeu por jogos apitados no Mineiro, Série B e Copa do Brasil, mas, com certeza, ficou longe do padrão NBA.

Ainda nos EUA, os juízes da NFL ganham de R$ 8,7 mil a R$ 10,4 mil por jogo. Anualmente, recebem cerca de R$ 602 mil, podendo ser um pouco menos, no caso de um novato (R$ 271,4 mil), ou mais, para veteranos (R$ 713,4 mil). Fora isso, eles já têm garantido aumento para 2019, que elevará a média para R$ 650,7 mil.

No futebol europeu, o salário que mais se aproxima do dos brasileiros é o pago em Portugal, onde os árbitros recebem R$ 4,5 mil por jogo. No Campeonato Inglês, o valor por partida é idêntico, mas os juízes, profissionais, têm direito a um bônus anual que varia de R$ 148,6 mil a R$ 162,1 mil, de acordo com sua experiência.

Em todas as outras grandes ligas, os valores pagos aos homens do apito são muito distantes dos da Série A do Brasileiro. A Espanha é quem melhor remunera seus árbitros, pagando R$ 23,1 mil por jogo. A Alemanha vem na sequência, com R$ 13,8 mil/partida; depois, a Itália, com R$ 13,1 mil; e a França, com R$ 10,6 mil.

ESPN

Comentários

comentários