Juiz de MS é convocado para auxiliar CNJ em projeto implantando para fins prisionais

O juiz da 2ª Vara de Execução Penal de Campo Grande, Albino Coimbra Neto, foi convocado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para auxiliar na coordenação do projeto de implantação nacional do Sistema Eletrônico de Execução Unificado (SEEU). Este sistema é uma parceria do CNJ com a Organização das Nações Unidas (ONU) para aprimoramento do sistema prisional.

O sistema SEEU foi desenvolvido em parceria com o Tribunal de Justiça do Paraná e permite o controle informatizado da execução penal e das informações relacionadas ao sistema carcerário brasileiro em todo território nacional. O sistema garante um trâmite processual mais eficiente e proporciona a gestão confiável dos dados da população carcerária do Brasil. Tudo isso por acesso direto pelo computador ou smartphone.

Nesta primeira etapa, o magistrado atuará no Judiciário de Mato Grosso, no período de 18 de março a 5 de abril. Na ocasião, o juiz irá também analisar a possibilidade da replicação das boas práticas da execução penal do Judiciário sul-mato-grossense, tais como o modelo de regime semiaberto de Campo Grande e projetos de ressocialização como o “Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade”.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu cometário!
Por favor, insira seu nome aqui