Juiz alega legítima defesa e solta mulher que matou marido ao ser agredida

Ana Cleia Savala Gonçalves, 21, responderá em liberdade pela morte do marido Marcos Ferreira de Almeida, 41. A medida foi tomada por decisão da Justiça durante audiência de custódia realizada na tarde desta quarta-feira (3/10) na 3ª Vara Criminal de Dourados.

Faca utilizada pela jovem em revide a marido que a agredia – Crédito: Osvaldo Duarte/Dourados News

O fato ocorreu na noite de segunda-feira (1/10), na casa onde morava o casal, na comunidade Ouro Fino, atrás da Sitioca Campo Belo, região Sudoeste do município.

Para justificar a decisão, o juiz alegou legítima defesa da jovem. Antes de golpear Marcos no pescoço, ela foi agredida.

“Havendo elementos indicando que o ato foi perpetrado em legítima defesa, não há justificativa para a manutenção da prisão cautelar. Concedo liberdade provisória, mediante termo de comparecimento aos atos processuais. Expeça-se alvará de soltura”, diz trecho da decisão anexada ao processo.

Conforme relato de Ana no dia do fato, o marido era usuário de entorpecentes e alcoólatra e ao chegar em casa, teria batido nos filhos e depois na jovem.

Pouco depois, voltou e lhe acertou um tapa nas costas.

Ainda segundo Ana, para se defender ela pegou uma faca e desferiu o golpe contra Marcos, atingindo o seu pescoço.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado, porém, o homem já estava morto. A acusada permaneceu no local até a chegada da polícia e acabou autuada em flagrante pelo homicídio.

Comentários