Jovem morre no centro da Capital e marca terceira vitima de acidente em menos de 48 horas

Lúcio Borges

A noite desta segunda-feira (23) marcou a terceira morte no trânsito de Campo Grande, entre os últimos dois dias. A terceira vitima foi Rogério Afonso Ramos, 22 anos, que estava em sua motocicleta e se envolveu em acidente com veiculo de passeio HB20. A fatalidade ocorreu por volta das 21 horas de ontem, na Avenida Mato Grosso com a Rua Rio Grande do Sul, região central da Capital. O rapaz era universitário e deveria estar até descendo da universidade onde cursava Direito. Ramos, chegou a ser socorrido no local mas já tinha ido a óbito praticamente no mesmo momento da colisão.

Conforme a Polícia Civil, a vítima seguia na faixa da esquerda em uma motocicleta Honda, de cor vinho, ao sentido Centro, quando colidiu na lateral esquerda do carro conduzido por Rafael Massamy Higuti de Farias, 24 anos. Relatos à polícia, aponta que os dois seguiam ao mesmo sentido. “O motorista do veículo trafegava na faixa do meio e foi fazer uma conversão para entrar na Rua Rio Grande do Sul. O motociclista chegou a buzinar, mas não conseguiu frear a tempo”, descreveram testemunhas.

Por causa da batida, Rogério foi projetado para canteiro central e na queda bateu a cabeça no meio-fio. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas a vítima morreu no local. O motorista do automóvel não ficou ferido e pode responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Maio Amarelo – Por coincidência ou não, nesta terça-feira (23) será lançada a campanha que visa melhorar as condições do trânsito.

Outros casos

Os outros casos ocorreram no domingo (22), entre o começo da madrugada e a manhã daquele dia. Este dois acidentes aconteceram em bairros distintos da Capital.

A primeira vitima foi a senhora Maria Cecília da Silva Batista, 60 anos, que a pé, foi atropelada por um carro, por volta da meia noite do domingo. Ela foi socorrida à Santa Casa, mas não resistiu. O acidente aconteceu no cruzamento das ruas Xavantes com a Piassanguaba, no Bairro Tijuca.

No domingo de manhã, outro jovem, o vigilante Wender Aparecido do Espirito Santo do Rosário, 20 anos, morreu após perder o controle da direção da Yamaha YBR que conduzia e cair, na Avenida Nelly Martins, no cruzamento com a Rua Pernambuco, na região do Jardim Autonomista.

Comentários