Jovem continua desaparecida e após rastreio, pai afirma que celular da filha está no Paraná

Michael Franco

A mãe da universitária desaparecida, Daiany Oliveira (21), recebeu uma mensagem de texto do celular da filha, por volta de 23h15 desta terça-feira (16), com os dizeres “Mãe, fica com Deus, que estou bem”, escreveu.

O Página Brazil conversou com o pai de Daiany, o sargento da Polícia Militar João Rodrigues de Oliveira que afirmou ter informações que o aparelho celular da vítima está no município de Cascavel, no Paraná. “Eu tenho informações precisas de que o celular dela está em Cascavel”. Ele afirmou que às 11h20 de hoje, o celular estava na rodoviário da cidade Paranaense. O pai da jovem também destacou que a informação vale apenas para o aparelho, não se sabe a localização de Dainy.

João Rodrigues de Oliveira disse também que acredita que a mensagem não foi enviada pela filha. “Eu como pai, acredito que outras pessoas possam estar com o celular dela”.

Ele também lembrou que ela foi vista em Campo Grande na segunda-feira (15) e ressaltou que a distância da capital até Cascavel pode ser percorrida em um dia “De Campo Grande a Cascavel são 500 Km, da pra ir em quatro horas, mas mesmo assim, a gente não pode confirmar que ela está lá.”

A família pede que se alguém souber alguma informação, entre em contato pelo fone: (67) 992376106 ou (67) 996514861.

Comentários