Jaraguari: Operação investiga desvio de dinheiro público e fraudes em licitações

A Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado (Deco), desencadeou na manhã desta quarta-feira (10), a Operação Meteoro na cidade de Jaraguari, distante a 46 quilômetros de Campo Grande. A prefeitura, Câmara de Vereadores, secretarias e estabelecimentos comerciais são alvos da operação que investiga crimes envolvendo desvio de dinheiro público.

Segundo informações da delegada Ana Claudia Medina, titular da Deco e responsável pela operação, a polícia começou a investigar o caso em dezembro do ano passado, após denúncia anônima. Estão sendo investigados crimes de fraude em licitação; falsificação de documento público; falsidade ideológica; uso de documento falso; peculato; emprego irregular de verbas públicas; corrupção passiva; advocacia administrativa; tráfico de influência; lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Prefeitura amanheceu com operação da Polícia Civil. Foto: WhatsApp
Prefeitura amanheceu com operação da Polícia Civil. Foto: WhatsApp

Conforme a denúncia, por meio da Prefeitura e Câmara de Vereadores, foram realizados vários desvios de recursos públicos em práticas criminosas de superfaturamento em obras, irregularidades nas licitações municipais junto as áreas de borracharia, transporte escolar, merenda escolar, frota, locação de veículos, recuperação de estradas, entre outros.
No total, serão cumpridos 20 mandados de busca e apreensão na cidade, envolvendo a prefeitura, secretarias municipais, gabinete de vereadores, casas e comércios.

A Deco conta com apoio da Delegacia Especializada em Repressão ao Narcotráfico (Denar), Delegacia Especializada em Repressão a Roubos e Furtos (Derf), Delegacia de Defesa do Consumidor (Decon) e Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros (Garras).

Comentários

comentários