Itália autoriza extradição de Henrique Pizzolato

O governo da Itália decidiu extraditar o ex-diretor do Banco do Brasil Henrique Pizzolato, de acordo com informações da Globo News.

Ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil foi ondenado a 12 anos e sete meses de prisão no mensalão Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil
Ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil foi ondenado a 12 anos e sete meses de prisão no mensalão Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil

Pizzolato foi condenado no processo do mensalão a 12 anos e 7 meses de prisão por corrupção, peculato e lavagem de dinheiro.

A decisão foi comunicada por um representante da Interpol na Itália.

Para evitar ser preso no Brasil, Pizzolato fugiu para a Itália com um passaporte de um irmão morto. O ex-diretor do Banco do Brasil foi localizado pela Polícia Federal no início de 2014.

TERRA

Comentários

comentários