Interdição da Avenida Afonso Pena com a Rua 14 de Julho deve durar 90 dias

Da Redação

A previsão é que cada lado da avenida passe pelas intervenções durante 45 dias (Foto: Denilson Secreta/Via PMCG)

As obras do Programa Reviva Campo Grande, que interditaram mais  um trecho da Avenida Afonso Pena com a Rua 14 de Julho, devem durar 90 dias, segundo a Engepar. A previsão é que cada lado da avenida passe pelas intervenções durante 45 dias, conforme divulgado pela prefeitura da Capital nesta terça-feira (9).

A pista no sentido Aeroporto/Parque dos Poderes foi completamente fechada para a implantação das infraestruturas pesadas, como drenagem e elétrica. Após 45 dias, a interdição será feita na pista contrária e também deve durar o mesmo tempo, podendo variar conforme o período chuvoso. Quando os serviços passarem para a pista sentido Parque dos Poderes-Aeroporto, a que hoje recebe as obras será liberada.

Para amenizar a questão do trânsito e informar o motorista e o pedestre das interdições, foram instaladas nove faixas de aviso em vários pontos da capital, nas imediações do trecho interditado: na Praça Newton Cavalcante, no início da Avenida Afonso Pena; na Avenida Afonso Pena, próximo a FIEMS; na Avenida Afonso Pena, próximo a Casa de Ensaio, e na Avenida Afonso Pena, próximo a Ernesto Geisel.

 

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu cometário!
Por favor, insira seu nome aqui