Congresso de Direito Administrativo abordará assuntos da atualidade com destaque a temas de interesse público

Nádia Nicolau

Pela primeira vez na capital, o XXXIII Congresso de Direito Administrativo, que será sediado em Campo Grande, no período de 16 a 18 de outubro, terá a finalidade de ampliar, entre outros temas, as discussões acerca da atuação da administração pública como um todo, com destaque especial às legislações vigentes. O evento é promovido pelo Instituto de Direito Administrativo de Mato Grosso do Sul (IDAMS), conjunto com o Instituto Brasileiro de Direito Administrativo (IBDA).

Embora seja um Congresso realizado anualmente em capitais e consolidado há anos no país, como o maior o mais tradicional evento acadêmico e profissional do ramo do direito administrativo, a 33ª edição chega de forma inédita na capital de Mato Grosso do Sul. Conforme os idealizadores, as expectativas são as melhores, e a estimativa de público é de 1000 pessoas.

Nas palavras do presidente do IBDA, Fabrício Motta, a ideia é polarizar as discussões pertinentes ao momento em que o Brasil se encontra, politicamente, mas enfatizou que as colocações também possam avançar para outros setores da estrutura administrativa do país, o que será possível, a começar pelos palestrantes convidados. “Proposição de modelos e perspectivas a serem debatidas, envolvendo temas como Abuso de Autoridade, leis, papel da imprensa, e integração do poderes”, explicou.

Mais do que um evento que vai reunir profissionais da advocacia, o Congresso pretende ser plural, tanto nos debates em pauta quanto na participação do público. Além disso, ao final dos trabalhos, espera-se a elaboração de resultados.

O vice-presidente da IDAMS, Jean Phierre da Silva Vargas, destacou a importância do trabalho desenvolvido pela imprensa, no sentido de tornar conhecidos os fatos relevantes e de interesse público. Ele classificou como “primordial e substancial, como ferramenta de transformação de políticas públicas em atitudes”.

Serviço: Todas as informações sobre o XXXIII Congresso de Direito Administrativo podem ser obtidas CLICANDO AQUI.

Foto: Divulgação.

Comentários