Incêndio na Trump Tower mata morador de prédio

Do G1

O incêndio que atingiu a Trump Tower, em Nova York, causou a morte de um dos moradores do prédio neste domingo (8). Ele chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu. Quatro bombeiros estão feridos.

O acidente ocorreu na noite do sábado (7) e tomou o 50º andar do edifício, ocupado por apartamentos e escritórios. Ainda não foram informadas as causas do incêndio.

Antes de se mudarem para a Casa Branca, o presidente dos EUA, Donald Trump, a primeira-dama, Melania, e Barron, filho do casal, moravam na Trump Tower.

Trump, inclusive, postou no Twitter sobre o ocorrido, às 19h42 do sábado (7), no horário de Brasília: “O fogo está controlado. Prédio muito bem construído. Bombeiros fizeram um bom trabalho. Obrigado!”, escreveu.

O incêndio começou por volta das 18 horas (19 horas em Brasília). O Departamento de Bombeiros de Nova York (FDNY, na sigla em inglês) divulgou uma foto no Twitter na qual é possível ver chamas saindo de quatro janelas do prédio. O edifício não chegou a ser evacuado.

Comentários