Homem é preso na tentativa de levar centenas de ampolas de botox para SP

Da Redação

Um homem de 39 anos foi preso ao tentar transportar centenas de ampolas de botox, as quais adquiriu em Assunção, capital do Paraguai, e levaria para a capital de São Paulo. O flagrante ocorreu na manhã desta quinta-feira (27), na BR-163.

(Foto: Divulgação)

A equipe da PRF (Polícia Rodoviária Federal) realizou abordagem ao veículo Hyundai/ Santa Fé, placas de Amambai, conduzido pelo autor, e diante de verificações encontraram 565 ampolas de botox (Neuronox), além de outros medicamentos importados ilegalmente.

De acordo com informações policiais, o valor comercial da apreensão pode passar de R$ 750 mil.

Um laudo da polícia federal confirmou a presença de toxina botulínica nos itens. Ainda conforme a polícia, a droga poderia ser utilizada para aplicações médicas clandestinas de estética e até mesmo para tratamento de disfunções neurológicas e motoras.

Além do medicamento ser importado ilegalmente, sua comercialização no país é vedada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O homem falou que adquiriu o produto no país vizinho e disse que seria pago pelo transporte até a capital paulista, sem informar valores.

Ele foi preso em flagrante e poderá responder por crime contra a saúde pública e descaminho. O homem, o veículo e os produtos ilegais foram apresentados na Polícia Federal de Dourados.

A pena prevista pelo crime de Falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais é de reclusão, de 10 a 15 anos, e multa. Descaminho, a pena é de reclusão, de um a quatro anos.

Comentários