GP do Brasil: com temporal, Albon faz melhor tempo e bate

Getty Images

Numa sexta-feira que teve muita chuva pela manhã em São Paulo, o tailandês Alexander Albon foi o mais rápido no primeiro treino livre para o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1. A sessão foi disputada com pista muito molhada no começo, mas, com o fim da chuva, as condições foram melhorando, com o piloto da RBR marcando 1m16s143 na sua melhor volta e superando o segundo colocado Valtteri Bottas em 0s551.

Curiosamente, Albon sofreu o único acidente da sessão, ao bater na curva da Junção quase no fim do treino, quando ele e outros pilotos arriscaram colocar pneus slicks, pois havia uma trilha seca, e os pneus intermediários já não funcionavam tão bem.

A Ferrari, que liderou boa parte do treino quando a pista estava mais molhada, ficou com Sebastian Vettel em terceiro, seguido por Charles Leclerc. Dos favoritos à vitória, Lewis Hamilton e Max Verstappen não marcaram tempo. O hexacampeão, atrapalhado pela bandeira vermelha pela batida de Albon, e o holandês, por rodar no “S” do Senna quando arriscou os pneus slicks.

Completaram os dez mais velozes no primeiro treino, da quinta à décima colocações, Carlos Sainz (McLaren), Nico Hulkenberg (Renault), Daniel Ricciardo (Renault), Pierre Gasly (STR), Daniil Kvyat (STR) e Lando Norris (McLaren).

Comentários