Governo quer colocar Paranaíba no mapa do desenvolvimento industrial de MS

Fotos: Edemir Rodrigues

O Governo do Estado quer incluir Paranaíba no mapa do desenvolvimento de Mato Grosso do Sul, articulando, por meio de ações da secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico (Semade), a atração de novos investimentos privados, a retomada de algumas indústrias paralisadas e, ainda, criar uma infraestrutura para que o município da região da Costa Leste esteja preparado para receber estes recursos.

O secretário estadual de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck, se reuniu esta semana com o prefeito de Paranaíba, Ronaldo José Severino de Lima (PSDB), a pedido da governadora em exercício Rose Modesto, para discutir um plano de desenvolvimento para o município e buscar soluções para algumas demandas urgentes, como a questão do aterro sanitário, que é um problema serio local.

“Paranaíba, ao longo desses anos, ficou para trás em relação ao desenvolvimento industrial do Estado, embora seja um município com grande potencial para atrair novos empreendimentos e diversificar sua economia”, disse Jaime Verruck. Ele adiantou que o Estado já trabalha na captação de três projetos, nos setores de fabricação de calçados e estruturas metálicas, que podem adicionar 300 novos empregos no mercado local.

Mais empregos

O prefeito Ronaldo de Lima disse que a questão do emprego é crucial para Paranaíba, que tem mão-de-obra disponível, porém não há vagas, “afetando ainda mais a crise financeira que o município atravessa”. Ele citou o  fechamento do frigorífico do grupo Marfrig, há mais de um ano, e quer o apoio do governo estadual para não apenas retomar as atividades da indústria, mas criar incentivos para atrair novos investimentos, sejam no agronegócio ou outras atividades.

“Acreditamos muito no potencial do município e temos certeza que nessa nova gestão o município vai retornar ao mapa do desenvolvimento”, destacou Jaime Verruck, adiantando que no próximo dia 10 de fevereiro, na companhia do prefeito Ronaldo Lima, estará em São Paulo discutindo a retomada do frigorífico com a diretoria da Marfrig.

Fomento

O secretário disse também que fará uma visita ao município para avaliar o cenário local e já pediu ao prefeito que faça um levantamento de áreas disponíveis para instalação de indústrias. Verruck acrescentou que a Semade vai articular a expansão de algumas indústrias já existentes e implantação de novas, nos setores de sucroenergético e beneficiamento de pasta de amendoim, cuja cultura se expande na região.

O encontro do secretário com o prefeito de Paranaíba teve a participação do deputado estadual Rinaldo Modesto, líder do governo na Assembleia Legislativa; secretário estadual de Infraestrutura, Marcelo Miglioli; o secretário-adjunto da Semade, Ricardo Senna; e o diretor-presidente da MSGás, Rudel Trindade Filho.

Comentários