Governo pede que famílias abram suas casas para mobilização contra Aedes

A presidente Dilma Rousseff, ministros, governadores e agentes de saúde vão às ruas hoje (13) para uma grande mobilização de combate ao mosquito Aedes aegypit e ao vírus Zika. O Dia Nacional de Mobilização para o Combate ao Aedes aegypti também conta com a participação de 220 mil homens das Forças Armadas. Em Mato Grosso do Sul, 11 mil militares vão percorrer 16 municípios: Amambai, Aquidauana, Bela Vista, Campo Grande, distrito de Coimbra, Corumbá, Coxim, Dourados, Jaraguari, Jardim, Ladário, Miranda, Nioaque, Ponta Porã, Porto Murtinho e Três Lagoas.

Dia Nacional de Mobilização para o Combate ao Aedes aegypti tem a participação de 220 mil homens das Forças Armadas - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Dia Nacional de Mobilização para o Combate ao Aedes aegypti tem a participação de 220 mil homens das Forças Armadas – Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

 

 

O almirante Ademir Sobrinho, chefe do Estado Maior do conjunto das Forças Armadas, pediu que a população abra as portas aos militares. “[A presença dos militares na ação ocorre] pela facilidade das Forças Armadas de mobilizar uma quantidade tão grande de pessoas. Mas são importantes a credibilidade e as informações da imprensa para que as pessoas abram as casas neste sábado”, disse Sobrinho.

Os militares entregarão panfletos e, junto com os agentes de saúde dos estados, conversarão com a população sobre a importância de não manter criadouros do mosquito em suas casas. Em algumas situações podem ser aplicados larvicidas em depósitos de água nas residências, como caixas d’água. A ação, no entanto, dará prioridade ao diálogo e à informação à população.

A meta é visitar 3 milhões de famílias em cerca de 350 municípios brasileiros. Pernambuco, estado com o maior número de casos notificados de microcefalia, terá 30 municípios visitados. As cidades foram escolhidas de acordo com os critérios de incidência do mosquito e da presença de apoio militar.(Agência Brasil)

Comentários

comentários