Governo investe no esporte para reforçar ações sociais e de solidariedade

Da Redação

Ao participar do lançamento da Copa Campo Grande de Futebol Amador na noite desta terça-feira (9), o governador Reinaldo Azambuja enfatizou que a administração estadual vem investindo no esporte, por entender que esse setor representa uma importante ferramenta na execução de políticas públicas na área social.

“A gente fica feliz pelo espírito de solidariedade de vocês; arrecadar 3 mil quilos de alimentos a quem precisa mostra o espírito que vai ser essa copa, de solidariedade, confraternização”, afirmou. Os produtos alimentícios foram entregues pelos 3 mil atletas das 120 equipes que participarão da competição. O presidente da Fundação Municipal de Esportes (Funesp), Rodrigo Terra, disse que se optou por não cobrar taxa de inscrição, mas para participar cada jogador teve que doar um quilo de alimento não perecível.

A Copa Campo Grande é resultado de mais uma parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura da Capital, em que a Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte) contribuiu com R$ 35 mil do Fundo de Investimento Esportivo (FIE).

Na solenidade realizada no Golden Class nesta terça-feira, Reinaldo Azambuja anunciou que será liberado mais R$ 25 mil em materiais esportivos para os times que participam da disputa que terá início no próximo dia 27 no campo de futebol do bairro Estrela do Sul. Haverá ainda R$ 25 mil em prêmios para os três primeiros colocados no masculino e feminino.

O governador disse que a Fundesporte mantém 870 escolinhas de diversas modalidades esportivas, para atender os jovens de 72 municípios. “Investindo no esporte amador, estamos também abrindo possibilidades para a descoberta de novos talentos”, afirmou. Reinaldo Azambuja falou ainda de como a Copa Campo Grande de Futebol Amador mexe com a rotina dos moradores. “Ela movimenta a cidade, é uma competição esportiva, mas além de tudo é uma confraternização, e o Governo do Estado tem a função de estimular essas ações, e a Fundesporte tem sido parceira nessas ações“.

A Copa

A Copa Campo Grande de Futebol Amador conta com 120 times masculino e feminino divididos em 7 grupos por região (Centro, Segredo, Prosa, Anhandui, Imbirussu, Lagoa e Bandeira). A abertura será no próximo dia 27 no campo de futebol do bairro Estrela do Sul, com as partidas envolvendo as equipes da região do Segredo. A final será no dia 26 de agosto, aniversário de Campo Grande. Posteriormente, será realizada disputa entre os campeões das 7 regiões, com a final prevista para 11 de outubro, data da criação do Estado de Mato Grosso do Sul.

Rodrigo Terra explicou que o objetivo da Funesp, com a realização dessa Copa, foi de “incentivar que as comunidades se organizem e se mobilizem nas suas regiões” e também estimular a solidariedade, com a arrecadação de alimentos que serão destinados às famílias carentes da Capital.

“Às vezes muita gente tem a preocupação de chegar em casa e ainda ter o almoço para requentar; mas tem gente que não tem absolutamente nada, nem para requentar”, comentou o prefeito Marquinhos Trad ao falar sobre como esse evento esportivo vai também provocar um impacto social para as famílias que necessitam de ajuda.

Também participaram da solenidade de lançamento da Copa Campo Grande de Futebol Amador o secretário Especial Chefe de Gabinete do Governador, Carlos Alberto de Assis, o presidente da Fundesporte, Marcelo Miranda, o secretário Municipal de Governo, Antonio Lacerda, vice-prefeita Adriana Lopes, primeira-dama do município, Tatiana Trad, secretária municipal de Cultura e Turismo, Melissa Tamaciro, deputado estadual Lídio Lopes e vereador Betinho.

Comentários