Goverandor comemora pesquisa: “Nós fizemos promessas de campanha para 4 anos”

Durante entrevista ao programa Tribuna Livre e ao portal Página Brazil, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) comemorou a avaliação feita por uma pesquisa nacional, que colocou seu governo em primeiro lugar no ranking de cumprimento de promessas de campanha, entre os governadores de todo o país. Questionado sobre como o partido que integra, o PSDB, aproveitará essa avaliação positiva da “performance” de seu governo nas eleições proporcionais de 2016, para prefeitos e vereadores, Azambuja comentou:

O governador Reinaldo Azambuja durante entrevista ao Página Brazil: “Não estou muito preocupado com a política, nós temos que estar muito mais preocupados é com a gestão, Governar bem, cumprir com as nossas obrigações” – Foto: Silvio Ferreira

“Primeiro, a gente fica contente, no primeiro ano, dos 27 governadores do país, nós de MS fomos o governo que mais cumpriu promessas de campanha. Isso é importante. Nós não fizemos promessas para um ano só. Nós fizemos promessas para um mandato, pros quatro anos, mas no primeiro ano, nós já conseguimos cumprir muitas dessas promessas que foram feitas para a população de Mato Grosso do Sul.”

Sobre a resposta que o PSDB espera ter nas urnas nesse ano, a partir da avaliação positiva de seu primeiro ano de governo, Azambuja avaliou que naturalmente, o seu partido buscará fortalecimento em MS, mas que a definição de como aproveitar da melhor forma esse momento da legenda cabe ao partido:

“Na questão da eleição, principalmente a eleição municipal, não é o governador e nem o governo que escolhe a opção de ter candidatura próprio, mas sim os partidos. Eu não tenho dúvida de que o meu partido, o PSDB, tanto na Capital, quanto nos outros municípios de Mato Grosso do Sul, busca o fortalecimento. O que é o fortalecimento de um partido: oferecer primeiro apresentar uma boa proposta para a administração, uma boa proposta para as cidades.”

“Segundo, bons nomes. Nomes que tenham condições de fazer uma boa gestão, governar bem, conseguir montar uma equipe comprometida e competente para resolver os problemas. A população cobra dos governantes, resolução dos problemas e é isso que os partidos têm que fazer”, argumentou.

Ainda sobre as eleições de 2016: “Tenho certeza que o meu partido, o PSDB, vai oferecer bons nomes para as disputas municipais, colocando não só nomes, não só pessoas, mas principalmente propostas. O que é importante em cada cidade, o que é prioridade para os cidadãos e conhecer essas prioridades para oferecer boas propostas em favor da população dos 79 municípios do Estado.”

Questionado sobre em qual estágio estaria a definição do PSDB sobre os nomes dos pré-candidatos que devem disputar as cadeiras do Executivo nos principais municípios de MS, o governador afirmou:

“Esses nomes ainda estão sendo discutidos. As instâncias partidárias discutem internamente. Tem cidade em que você tem dois ou três pretendentes ao cargo majoritário e que estão discutindo qual o melhor nome, quem tem maior viabilidade, quem se aproxima mais do perfil que a população espera hoje do governante, que é governar com decência, com transparência, com responsabilidade. Acho que é isso fundamental na política que nós vivenciamos hoje”, analisou.

Para finalizar, Azambuja considerou: “O partido está se organizando nas maiores cidades, nas menores também, para ofertar bons nomes, colocar realmente essa preocupação com a proposta, com o projeto pra cada uma das cidades para nós colocarmos no momento oportuno. Eu não estou muito preocupado com a política, eu acho que nós temos que estar muito mais preocupados hoje é com a gestão. Governar bem, cumprir com as nossas obrigações. E aí sim, no momento oportuno da política, que é a partir de julho, apresentar bons nomes e boas propostas, pra que essas pessoas que forem representar – e que terão que buscar o apoio da população -, condições de realizar realmente um bom mandato e que transforme a vida das pessoas para melhor”.

Silvio Ferreira

Comentários

comentários