Golpista se passa por Juíza e encomenda marmitas para Fórum

A Juíza Tatiana Dias de Oliveira Said divulgou na tarde desta quarta-feira (26), uma nota após um golpista se passar por uma juíza e encomendar 10 marmitas no comércio de Coxim.

No ano passado, Fórum já tinha sido alvo de golpe - Foto: Edição de Notícias
No ano passado, Fórum já tinha sido alvo de golpe – Foto: Edição de Notícias

Conforme a nota na última segunda-feira (21), um fornecedor de alimentos foi até o Fórum procurando por uma doutora de nome Suzana que havia encomendado 10 marmitex, pois a mesma estaria fazendo audiência na 2ª Vara, do Poder Judiciário Estadual.

Golpe similar ocorreu em outubro do ano passado. Em nome de uma juíza, uma pessoa requisitou entrega de três pizzas e quatro refrigerantes. Houve ainda pedido para compra adicional de antiácido e crédito para celular da magistrada, que não existia. O caso foi registrado na polícia e o prejuízo só não foi maior ao comerciante porque não cumpriu a segunda parte do pedido.

Tentando evitar futuros golpes no comercio local a Juíza decidiu divulgar uma nota de esclarecimento, confira abaixo na integra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Chegou ao conhecimento da Direção do Foro da Comarca de Coxim, que no último dia 21, foi ao Fórum, um fornecedor de alimentos, com aproximadamente 10 (dez) marmitex, procurando por uma Dra., de nome Suzana, que estava fazendo audiência na 2ª Vara, do Poder Judiciário Estadual, e havia solicitado, via telefone, a referida alimentação. Ocorre que, na data e horário não havia audiência e não consta nenhum servidor ou magistrado com o mencionado nome.

Para salvaguardar futuros prejuízos ou golpes no comércio da cidade, a Direção do Foro da Comarca de Coxim alerta que não há pessoas autorizadas a fazerem compras, de quaisquer natureza, via telefone, em nome dos Juízes, desta Comarca, ou em nome do Poder Judiciário Estadual.

Comentários

comentários