Garoto de 11 anos é sequestrado de interior de abrigo

Lúcio Borges

Um garoto indígena de 11 anos de idade, foi retirado na noite da última quinta-feira (11) do Lar Santa Rita, mediante ameaça com faca e levado a um local até agora desconhecido. O fato está intrigando as autoridades policiais da cidade de Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande, e as investigações começaram logo após o fato.

No lar, além do garoto, estão também suas duas irmãs. Eles foram para o abrigo porque o Conselho Tutelar considerou que a família não estava em condições de cria-los.

Em dezembro, um vizinho da família foi acusado de abusar do menino. Na época, exames foram feitos e não houve a constatação do abuso. No entanto o episódio serviu para que ficasse comprovada a falta de condições do convívio com a família.

No caso de quinta-feira, um homem entrou no abrigo e empunhando uma faca, segurou o garoto e sob ameaça de feri-lo dexou o local sem maiores problemas. A polícia trabalha com a possibilidade de que o mesmo homem acusado de abuso em dezembro,, esteja envolvido neste sequestro. Até a manhã desta sexta-feira (12), ele não havia sido localizado.

Comentários