Follmann deixa UTI um dia após cirurgia e é transferido para Semi-Intensiva

O goleiro Jackson deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Albert Einstein, em São Paulo. O sobrevivente do acidente aéreo com o time da Chapecoense se recupera de uma cirurgia na segunda vértebra cervical e foi transferido para a Unidade Semi-Intensiva.

O procedimento desta terça-feira (13) foi conduzido pelo neurocirurgião Jorge Roberto Pagura e pelo ortopedista Alexandre Sadao Iutaka, acompanhados pelo ortopedista Marcos André Sonagli, médico da Chapecoense. A primeira e a segunda vértebras da coluna cervical são responsáveis pelo movimento da cabeça.

Após a cirurgia, foi realizado o curativo no coto de amputação da perna direita de Follmann, que se encontra com “bom aspecto”.

Confira o boletim médico na íntegra:

O jogador de futebol Jackson Follmann foi submetido à correção cirúrgica da fratura do processo odontóide (fixação da segunda vértebra cervical) na tarde de ontem.
Encontra-se internado, em bom estado clínico, consciente, sem déficits motores e sem febre.
Recebeu alta da Unidade de Terapia Intensiva, sendo transferido para a Unidade Semi-Intensiva. 

Comentários