Flávio Rocha, da Riachuelo, desiste de ser candidato à Presidência da República

ESTADÃO/JN

Empresário confirma a saída da disputa pelo Planalto nas eleições 2018 em vídeo divulgado nas redes sociais

O empresário Flávio Rocha (PRB) anunciou nesta sexta-feira, 13, que desistiu de concorrer ao Palácio do Planalto nas eleições 2018. Em um vídeo divulgado nas redes sociais, ele afirmou que o Brasil “passa por um momento turbulento” e por isso “não pode flertar com os extremos”.

O empresário Flávio Rocha, da Riachuelo, abandona a disputa pelo Planalto Foto: JF Diorio/Estadão

Na mensagem de pouco mais de 3 minutos, ele agradece aos “intrépidos meninos do MBL” e disse que pretende continuar colaborando com o seu partido. Apesar da aproximação do PRB com o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB), Rocha vinha negando sistematicamente que desistiria da disputa.

O empresário disse ao Estado que não aceitaria ser vice de outro candidato. “Não saio para apoiar ninguém. Saio para não entrar em uma luta quixotesca. Não aceitaria ser vice. Não é meu projeto”, afirmou. Ele disse ainda que não pretende se engajar na campanha de Alckmim à Presidência.

Comentários