Flamengo vence e fará final da Copa São Paulo contra o Corinthians

O Flamengo fará a final da Copa São Paulo contra o Corinthians no dia 25, no estádio do Pacaembu. A equipe carioca venceu o América-MG nesta sexta-feira (22) por 2 a 1, de virada.

Lucas Paquetá marcou o gol da classificação do Flamengo para a final da Copinha (Foto: Daniel Vorley/AGIF/Gazeta Press)
Lucas Paquetá marcou o gol da classificação do Flamengo para a final da Copinha (Foto: Daniel Vorley/AGIF/Gazeta Press)

O Flamengo tentará o tricampeonato da Copinha. Os cariocas foram campeões em 90 e 2011. Enquanto os paulistas, que derrotaram o Cruzeiro, são os maiores campeões da competição, com nove conquistas.

A partida começou animada com ambas equipes procurando o gol. E dessa forma não demorou muito para as redes balançarem. Quem saiu na frente foi o América-MG, que acionou seu principal destaque na competição: Matheusinho. O camisa 10 recebeu na grande área, dominou de costas para o gol e, de virada, marcou belo gol logo aos 3 minutos.

Os cariocas conseguiram reagir aos 12 minutos com mais um belo gol. Trindade marcou para o Flamengo. O jogador aproveitou rebote da entrada da área e soltou a bomba. Depois do empate, as equipes ficaram mais recuadas, sem grandes chances. A melhor oportunidade gol do primeiro tempo saiu quase no final da etapa inicial, quando Lucas Paquetá recuperou a bola no meio campo, fez fila e chutou próximo à trave.

O segundo tempo de jogo foi parado, com as duas equipes não querendo correr riscos no ataque, como se estivessem querendo apenas esperar os pênaltis para a decisão.

No entanto, o Flamengo estava mais calmo em campo e, aos 28 minutos, Lucas Paquetá recebeu de Matheus Sávio na ponta da área e marcou o gol da classificação flamenguista.

Logo depois do gol, um susto na Arena Barueri. Renan Melo, atleta do América-MG sofreu um desmaio em campo depois de uma dividida e precisou ser atendido pelo médico do time rival, já que os mineiros não levaram médico para o estádio. O jogador deixou o campo para a entrada de Gledson.

Atrás no placar, o América-MG saiu em busca do empate, mas o Flamengo estava muito bem postado defensivamente e evitou a reação. Nem mesmo uma jogada ensaiada dos mineiros, que fingiram ter se atrapalhado antes do cruzamento impediu a classificação do time carioca à final da Copinha.

Comentários

comentários