Filho de candidata à prefeitura de Miranda é preso distribuindo cestas básicas

A candidata Marlene Bossay ainda não se pronuncio sobre o fato (Foto: Reprodução)
A candidata Marlene Bossay ainda não se pronuncio sobre o fato (Foto: Reprodução)

Foi preso em flagrante nesta segunda-feira, dia 26 de setembro, Alexandre Bossay, de 42 anos, filho da candidata à prefeitura de Miranda, Marlene de Matos Bossay (PMDB). Segundo testemunhas, ele estava distribuindo cestas básicas na aldeia indígena La Lima.

A Polícia Militar foi acionada por testemunhas do fato para comparecer ao local e checar a situação. Ao chegarem, os militares constaram a veracidade das denúncias, inclusive, havendo registros fotográficos da ação de Bossay – que ficaram em posse da polícia.

Ele estava na aldeia com uma camionete Ford Ranger, de cor prata. Lá, também foram encontrados vários panfletos da candidata Marlene e cestas básicas em uma das casas. A moradora do local, Maria Zenir Rosario Cabrocha, de 42 anos, confirmou ter recebido duas cestas com leite, iogurte, verduras e carne.

Diante da situação, Alexandre foi preso em flagrante e levado para a DP (Delegacia de Polícia Civil) de Miranda, onde permaneceu preso. O caso foi registrado pelo delegado Leandro Costa de Lacerda Azevedo como corrupção eleitoral, tipificado na regra do art. 299, do Código Eleitoral.

Comentários

comentários