Falso funcionário da Receita Federal é preso com 578 quilos de maconha

A Polícia Militar prendeu, na manhã dessa terça-feira, 25 de agosto, em Amambai, um falso funcionário da Receita Federal, transportando 578 quilos de maconha em tabletes.

(Foto: Divulgação PM)
(Foto: Divulgação PM)

A droga era transportada em um veículo Astra cor branca, caracterizado com adesivos da Receita Federal e inclusive com placa “Brasil”, porém tudo era falso, segundo a polícia.

De acordo com a PM, a abordagem do suposto carro oficial aconteceu na Rodovia MS-289, trecho que liga Amambai a Coronel Sapucaia, quando os policiais realizavam patrulhamento e desconfiaram do veículo, já que nessa região da fronteira não existem postos da Receita Federal, e resolveram realizar uma checagem.

Em vistoria no interior do carro, que segundo a polícia posteriormente descobriu-se que era clonado, os policiais encontraram a droga.

(Foto: Divulgação PM)
(Foto: Divulgação PM)

O entorpecente era transportado no porta-malas e no lugar do banco traseiro do veículo que foi retirado para abrigar a maconha.

Segundo a Polícia Militar, o motorista do carro, Vilmar Becker Gonçalves, de 49 anos, morador em Foz do Iguaçu, no Paraná, foi preso em flagrante por tráfico de drogas.

De acordo com a PM, em poder do motorista, que esteve preso e teria deixado a cadeia em Foz do Iguaçu no dia 18 de junho deste ano, também foi encontrada uma jaqueta da Receita Federal, também falsificada.

Todo o material apreendido, bem como o falso funcionário da RF, foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Amambai, que vai assumir as investigações do caso.

Comentários

comentários