Ex-vereador Tonho Ortega morre aos 56 anos

Da Redação/JN

Faleceu na manhã deste sábado (07), aos 56 anos, o ex-presidente da Câmara Municipal de Nova Andradina, Antônio Francisco Ortega Batel.

Ele foi presidente da Câmara Municipal por três mandatos

“Tonho Ortega” morreu por volta das 06h em uma unidade hospitalar na cidade de Dourados, onde fazia tratamento de saúde.

Antônio Ortega, que é irmão do ex-prefeito Luiz Carlos Ortega e pai da atual secretária de Assistência Social de Nova Andradina, Juliana Ortega, foi vereador por quatro mandatos, se tornando uma figura política muito conhecida na região.

Segundo o site Nova News, o corpo de “Tonho Ortega” será trasladado de Dourados até Nova Andradina, onde deverá ser velado no plenário da Câmara Municipal.

Em contato com o atual presidente da Casa de Leis, Marião da Saúde, o vereador lamentou a morte de Ortega. “Perdemos um grande político e um grande empresário. Tonho Ortega foi alguém que ajudou a construir a história de Nova Andradina. O Poder Legislativo Municipal está de luto. Que Deus conforte toda a família”, disse Marião.

O Nova News conversou também, por telefone, com prefeito Gilberto Garcia, que está em viagem para Presidente Prudente (SP), onde faz exames de rotina. O chefe do Poder Executivo qualificou Antônio Ortega como um grande companheiro.

“Ele foi um político importante e deixou sua presença marcada em Nova Andradina. Ele foi um grande companheiro, me ajudou muito durante a campanha e teve participação decisiva na construção da Cidade Sorriso que conhecemos hoje. Tonho Ortega merece todo respeito e consideração”, disse o prefeito.

Gilberto Garcia disse que pretende retornar de Presidente Prudente neste domingo (08) para participar do velório.

Comentários