Estudante cai de ônibus lotado e morre atropelada por outro veículo

Universitária da UFPE caiu de ônibus lotado e morreu ao ser atropelada por outro ônibus (Foto: Reprodução / Facebook)
Universitária da UFPE caiu de ônibus lotado e morreu ao ser atropelada por outro ônibus (Foto: Reprodução / Facebook)

A estudante universitária Camila Mirele Pires da Silva, 18 anos, morreu após cair do ônibus em que voltava para casa e ser atropelada por outro veículo, na cidade do Recife, capital de Pernambuco. O acidente aconteceu na noite desta sexta-feira, dia 08 de maio, quando o ônibus da linha Barro-Macaxeira passava pela BR-101, em frente à Casa do Estudante, perto do campus da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Aluna do segundo ano do curso de biomedicina na UFPE, Camila estava voltando para casa, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, e o ônibus estava lotado. O veículo estava em movimento quando a porta se abriu e a jovem caiu, sendo atropelada por outro ônibus.

Ela foi socorrida para o Hospital Getúlio Vargas, mas não resistiu aos ferimentos. O pai de Camila cuidou da liberação do corpo da filha no Instituto Médico Legal, nesta manhã, e não quis conversar com a imprensa. Vizinhos que estavam com ele disseram que a família está revoltada, muito abalada e quer explicações sobre como a porta se abriu. O velório e enterro acontecem na tarde deste sábado, no cemitério do Barro, em Jaboatão.

Em nota, a Universidade lamentou a morte da estudante. “A UFPE colocou assistentes sociais e psicólogos para prestar apoio à família da estudante. A Universidade cobra das autoridades responsáveis pelo transporte público na Região Metropolitana do Recife uma rigorosa apuração dos fatos que levaram à morte da aluna”.

Comoção na internet

Camila era fã da girl band Fifth Harmony e fazia parte de um fã-clube de “harmonizer”, como são chamados os admiradores do grupo pop. Após sua morte, outras fãs lamentaram o acidente no Twitter. A hashtag #HarmonizerCamilaMirelleRIP ficou entre as mais comentadas da rede social. “Acordei e fui direto na tag… Nossa, ainda estou indignada. Mas achei lindo a homenagem. Meus pêsames”, escreveu a fã Beka. “Cara, ela era tão linda, dá uma revolta mano”, comentou outra fã.

G1

Comentários

comentários