Em MS, mulheres recebem 71% do que ganham os homens

No Mato Grosso do Sul, as mulheres receberam em 2014, em média, 71% do rendimento do trabalho dos homens. Os dados pertencem à Pesquisa Nacional por Amostra de domicílio (Pnad), divulgada nesta sexta-feira (13) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A remuneração da mulher equivale a apenas 71% do salário do homem
A remuneração da mulher equivale a apenas 71% do salário do homem

O rendimento médio mensal real de todos os trabalhadores acima de 15 anos foi de R$ 2.202, e, o das trabalhadoras, R$ 1.565.

O levantamento referente a 2014 mostra que pessoas de 15 anos ou mais recebem remuneração média de R$ 1.935, em MS. O valor é superior ao da média nacional, de R$ 1.760.

Com isso, o Estado é sexto na lista dos que tem maior remuneração. O primeiro é Distrito Federal, cuja a renda média é R$ 3.319. Em seguida estão São Paulo, com R$ 2.152; Rio de Janeiro, com R$ 2.077; Santa Catarina, com R$ 2.036 e Mato Grosso, com R$ 1.941.

A diferença de renda em MS é maior do que a constatada na média de todos os Estados do país. Em todo o Brasil, elas recebem R$ 1.455, enquanto eles ganham R$ 1.979 por mês. Dessa forma, a mulher recebe 27% a menos do que o homem.

 

Comentários

1 Comentário

  1. É preciso informar à este órgão de pesquisa do Governo Federal para preencher alguns questionários em uma determinada empresa do Governo do Estado de MS, na qual TODAS as mulheres que lá trabalham ganham pelo menos 30% (ISSO MESMO: TRINTA POR CENTO) A MAIS QUE OS HOMENS QUE LÁ TRABALAHAM. DETALHE: TODOS SÃO CONCURSADOS!!!!!!!

Comments are closed.