Em combate polêmico, Mayweather vence Pacquiao e segue invicto

Não deu para Manny Pacquiao. O filipino, que é quase considerado um “deus” em seu país e que possui 57 vitórias no currículo, sendo 38 nocautes, dois empates e agora sete derrotas, não conseguiu quebrar a invencibilidade de Floyd Mayweather, que tem um cartel perfeito de 48 vitórias em 48 duelos. Apesar do combate ter sido bastante equilibrado, os juízes viram superioridade do americano em decisão polêmica, e ele levou a melhor na decisão unânime por 118×110, 116×112 e 116×112. O estilo de contragolpe de “Money” lhe rendeu ainda mais um feito importante para o esporte: ele se tornou o campeão unificado da Organização Mundial de Boxe (WBO), Associação Mundial de Boxe (WBA) e do Conselho Mundial de Boxe (WBC).

Manny Pacquiao não conseguiu quebrar a invencibilidade de Floyd Mayweather  (Foto: Reprodução Facebook)
Manny Pacquiao não conseguiu quebrar a invencibilidade de Floyd Mayweather
(Foto: Reprodução Facebook)

– Quero agradecer a Deus, aos fãs que vieram em Las Vegas, aos que me viram chegar aqui. Tiro o chapéu para o Pacquiao.  Agora entendo porque ele está no topo do esporte, ele me fez ser melhor, Ele é um dos maiores da história do boxe. Eu não vou aqui dar palpite, ele se interessou mais pela luta, fiz a luta inteligente. Não ia para cima até ter certeza. Na curta distância tirei os golpes. E fui feliz em fazer essa luta. Eu calculei muito. Ele é muito duro. Como disse antes, sem meu pai, não seria ninguém. Foi ele quem me ensinou a fazer mais que o normal. O Pacquiao é preciso e eu tive que superá-lo. Em todas as lutas, tive o mesmo objetivo. Meu objetivo é sempre vencer. Demos o melhor essa noite – declarou o americano, ainda dentro do ringue.

Assim que a luta foi encerrada, “Money” comemorou muito, erguendo o braço na certeza da vitória. Já Pacquiao cumprimentou o rival após o duelo, mas não ficou satisfeito com o resultado, acusando Mayweather de fugir do combate.

– Foi uma boa luta, mas acho que ganhei. Ele não fez nada, só saiu, fugiu do combate. Atirei golpes desde o início. Ele só se mexia para os lados. É a luta, é assim. Eu posso lidar com o poder dos golpes dele. Assim foi também contra os outros. Me senti bem na luta, por isso não ataquei tanto nos dois últimos rounds. O tamanho dele não me atrapalhou. Ele não é tão maior do que eu – declarou o filipino, que saiu mandando beijos e abraços para a torcida.

Segundo os índices da Compubox, “Money” conectou 34% dos golpes de todo o duelo, enquanto Pacquiao ficou com um índice de 19%. A torcida não gostou do resultado final e vaiou o campeão americano, que se sentou sobre as cordas e provocou de volta com gestos.

A luta

Manny Pacquiao entrou na arena acompanhado do apresentador americano Jimmy Kimmel e com uma música que ele mesmo cantava em homenagem às Filipinas. Já Floyd Mayweather, entrou com Justin Bieber, como já aconteceu anteriormente, e foi vaiado no caminho até o ringue.

O duelo começa com os lutadores se estudando. Mayweather é o primeiro a arriscar um soco na linha de cintura, mas Pacquiao se movimenta e fica no centro do ringue. Ele tenta devolver na mesma moeda, mas Floyd esquiva e tenta o contragolpe. Os lutadores trocam poucos golpes . A torcida grita “Manny”. Mayweather acerta bom jab em Pacquiao. O filipino ainda estuda o americano e não solta combinações como de costume. Eles dividem o centro do ringue. Pacquiao parece esperar o melhor momento.  O filipino continua andando para frente, Mayweather ameaça um direto, que passa raspando. Pacquiao acerta um jab e cerca Floyd na grade, mas o americano clincha e o round termina.

No segundo assalto, Mayweather tenta um jab e fica com a guarda levantada. Ele deixa a direita engatilhada, mas é Pacquiao quem tenta os golpes. O americano tenta entrar com um direito, mas o filipino absorve bem e, em seguida, consegue uma boa combinação. Os lutadores se estudam nos últimos segundos e o round termina.

O terceiro round começa com Mayweather encaixando uma direita logo no início do round. Ele caminha para frente e acerta alguns golpes no corpo do adversário. Mayweather coloca a direita na linha de cintura. Pacquiao reclama, dizendo que foi abaixo da linha. Os dois ficam no clinche.  Maywerather se irrita e reclama com o filipino, que volta tentando encaixar mais golpes na corda. O americano clincha e o árbitro para a luta. Mayweather tenta um direto em velocidade, mas fica na guarda. Pacquiao novamente vai para a combinação. Não acha nada. Mayweather tenta laçar o pescoço do filipino. Árbitro chama atenção. Pacquiao tem o centro do ringue, mas recebe um jab na linha de cintura. Mayweather se movimenta e acerta Pacquiao para ouvir o soar do gongo.

O início do quarto round teve um Pacquiao mais agressivo, com a tática de prensar Mayweather contra as cordas. Ele segue pressionando e acerta mais o americano, que continua com a direita engatilhada, enquanto o filipino tenta mais combinações. Ele pressiona Mayweather nas cordas e encaixa uma combinação de golpes no corpo e na cabeça do rival, que se defende. Mayweather continua se defendendo e Pacquiao encaixa nova combinação. Um direto entra limpo e a torcida vai à loucura. Os dois voltam para o centro do ringue e o árbitro separa quando Floyd tenta laçar novamente o pescoço do filipino. Nos 10 segundos finais, “Pac-Man” acerta um jab e o americano absorve bem.

O quinto assalto começa com Mayweather tomando a iniciativa e arriscando a linha de cintura. Pacquiao responde e “Money” se esquiva do cruzado. Os dois dividem o centro do ringue. Floyd tenta encaixar um jab, que é defendido. Filipino caça Floyd dentro do ringue, mas o americano  se movimenta bem e bate no contragolpe.

Logo no início do sexto round, Pacquiao consegue boa sequência de golpes e leva Mayweather para as cordas. O americano dá um golpe no vazio. Pacquiao continua pressionando, mas “Money” joga direto no contra-ataque. “Pac-Man” tenta novo golpe,  cerca Floyd amais uma vez na e solta sequência de socos. O americano faz sinal de “não” com a cabeça e irrita o filipino, que desfere mais golpes, mas sem contundência. O americano usa o jab para tentar parar o ataque do filipino. Nos dez segundos finais, os dois voltam ao  centro do ringue.

No retorno ao sétimo assalto, Mayweather tenta manter a distância. Ele usa o jab para manter o rival afastado, mas Pacquiao tenta trabalhar no contragolpe. O filipino parece estudar mais o rival. Ele joga jab e direto e o direto entra limpo. Mayweather devolve um contragolpe na linha de cintura. Pacquiao combina jab e direto e consegue outra combinação, que para na defesa do americano. O round termina com o filipino indo para cima do rival.

No oitavo round, Pacquiao começa tentando encaixar direto e jab e a mão esquerda entra limpa. Floyd trabalha no clinche, vai para as cordas e Pacquiao acerta combinações e um cruzado passa de raspão. O americano acerta um direto de direita e se defende nas cordas. Manny esquiva e abaixa a guarda, Pacquiao tenta conectar um jab, mas o americano se esquiva. Pacquiao caminha e encurrala “Money”, que escapa. Os dois voltam ao centro do ringue e  Mayweather acerta Pacquiao.

O nono round começa com Pacquiao tentando medir a distância com jabs e recuando Mayweather contra as cordas. O americano retoma o centro do ringue e tenta trabalhar no contragolpe. Ele abaixa a guarda e Manny tenta acertar a linha de cintura. Um direto do filipino passa no vazio. Os dois se estudam e trocam golpes. Pacquiao encurta. Money clincha para respirar. Golpe de Money passa forte, bem perto. Pacquiao parte para cima de novo.

No décimo assalto, Pacquiao volta a cercar o americano, que se esquiva. Ele tenta encurtar a distância e trabalhar na linha de cintura. Mayweather responde com dois jabs e joga um cruzado. Pacquiao joga golpes retos e ficam na guarda do americano. Ele tenta a linha de cintura e cruzado. Mayweather vai para as cordas, se movimenta e conecta um bom contragolpe. Pacquiao termina o round indo para cima.

No décimo primeiro round, “Pac-Man” volta a pressionar Mayweather nas cordas. O americano tenta um direto que fica na guarda e consegue um bom gancho. Os dois voltam para o centro do ringue. Pacquiao encurta, trabalha a cintura, mas o americano faz pêndulo e escapa. O round é bastante equilibrado. Pacquiao anda para trás e recebe golpe na linha de cintura. Mayweather provoca. Fim de round.

O último round da “Luta do Século” começou com uma finta upper de Mayweather. Pacquiao responde com um direto e tenta encurralar. Mayweather finta e volta ao centro. Ele  marca a distância com a mão esquerda, depois trabalha a linha de cintura. “Pac-Man” tenta encurralar, mas “Money” clincha. Faltando um minuto, o filipino tenta ir para cima, mas Mayweather se defende muito bem, fazendo jogo de pernas. Pacquiao encurrala, mas acerta pouco. Floyd se defende, faz o pêndulo. Faltando dez segundos para o fim do assalto o americano levanta o braço e começa a comemorar. Fim de luta.

G1

Comentários

comentários