Eliminatórias: seleção brasileira tenta encerrar jejum em La Paz

Agências/JP

Coutinho, Neymar e Jesus formaram trio de ataque brasileiro (Foto: Lucas Figueiredo/CBF//)

Com vaga confirmada na Copa do Mundo de 2018, o seleção brasileira enfrenta a já eliminada Bolívia nesta quinta-feira, às 17h (de Brasília), pelas Eliminatórias Sul-americanas, no estádio Hernando Siles, em La Paz, com o retorno do meia Philippe Coutinho em seu trio ofensivo, ao lado de Gabriel Jesus e Neymar. O time do técnico Tite tentará encerrar um longo jejum na capital boliviana.

A seleção brasileira não vence no Estádio Hernando Siles, a 3.600 metros de altitude, desde a decisão da Copa América de 1997 – a vitória por 3 a 1 deu o título ao time dirigido por Zagallo. Pelas Eliminatórias, o tabu na Bolívia já dura 32 anos: o último triunfo foi em 1985, quando derrotou a equipe anfitriã por 2 a 0 em Santa Cruz de la Sierra.

O Brasil, no entanto, tem grande vantagem no confronto: em 28 partidas contra a Bolívia, somou 20 vitórias, três empates e cinco derrotas, com 96 gols marcados e apenas 25 sofridos. No primeiro turno destas Eliminatórias, na Arena das Dunas, em Natal (RN), o Brasil goleou por 5 a 0, com gols de Neymar, Philippe Coutinho, Filipe Luís, Gabriel Jesus e Roberto Firmino.

Time escalado

Em preparação para o Mundial, a equipe escalada por Tite terá outras duas novidades além do retorno de Coutinho, recuperado 100% de uma lesão que o deixou de fora do time titular nas últimas partidas. Alex Sandro, da Juventus, será titular na lateral-esquerdo, no lugar de Marcelo, cortado. O zagueiro Thiago Silva começará jogando na vaga de Marquinhos, que só foi integrado à seleção na terça-feira.

O volante Casemiro será o capitão da seleção brasileira pela primeira vez. O time ficará em Santa Cruz de la Sierra, situada a apenas 400 metros acima do nível do mar, até poucas horas antes da partida em La Paz.  Os bolivianos estão na penúltima colocação na tabela de classificação, com 13 pontos, à frente apenas da Venezuela. Apesar da má fase e de já estar fora da Copa, o time vem de quatro jogos sem perder em casa, com três vitórias e um empate.

Comentários